Seguidores

domingo, 7 de abril de 2013

PORTO EMPATA E SEGUE PARA O OCTOGONAL


O Porto não conseguiu passar pelo Santa Cruz na tarde deste domingo no estádio Luiz Lacerda. O empate em 1x1 tirou qualquer chance do Gavião de brigar por uma vaga na semifinal do Pernambucano, o Porto caiu para sexta posição no segundo turno, somando apenas treze pontos. Já a equipe Coral perdeu a chance de voltar a liderar a competição, ficando na segunda posição com 20 pontos.

Mesmo com o Santa Cruz atuando sem três titulares, o técnico Laelson Lima entrou respeitando o adversário escalando três volantes no meio campo. No principio da partida, o Santa apresentava mais volume de jogo, porém o ataque errava muito, o que beneficiava a defesa do Gavião que teve pouco trabalho. Com apenas Tiago Orobó na criação, Joelson e Jefferson Renan ficaram isolados, aparecendo pouco na etapa inicial.

O primeiro lance de perigo da partida surgiu apenas aos 28 minutos. Joelson recebeu dentro da área, livrou-se da marcação e chutou firme para defesa de Tiago Cardoso. Quatro minutos depois, Ailton cruzou da direita, Tiago Orobó subiu de cabeça e Tiago Cardoso mais uma vez defendeu sem problemas. O Santa Cruz acordou e ameaçou a meta de Rodrigo Carvalho aos 35 minutos. A defesa do Porto deu bobeira e a bola sobrou com Neto na entrada da área, o atacante chutou cruzado com perigo a direita do gol.

Vendo que havia espaço para atacar, Laelson mexeu no esquema tático do time na volta do intervalo em duas alterações. Saíram Cosme e Tiago Orobó, para as entradas de Anderson Pirata e Thiago Laranjeira. 

Com dois meias na criação, levou dois minutos para o Porto abrir o placar. Thiago Laranjeira recebeu na área, foi pra cima da marcação e acabou sendo derrubado por Nininho. Pênalti que Joelson precisou cobrar duas vezes para abrir a contagem. Na primeira tentativa, houve invasão de Anderson Pirata.

O Santa resolveu sair para o ataque. Aos sete, Raul cobrou falta de longe e Rodrigo defendeu com dificuldade. Porém, não demorou muito para o Santa empatar. Aos 16, Júnior Maranhão tentou chutar, mas a bola desviou na defesa e sobrou para Flávio Recife mandar de cabeça, sem chance para Rodrigo.

O jogo ficou aberto e bem movimentado, com as duas equipes brigando o tempo todo pela vitória. Aos 26, Joelson recebeu na área e rolou para Jefferson Renan que chutou por cima do gol de Tiago Cardoso. Aos 35, cruzamento da direita e Jefferson Renan subiu de cabeça, obrigando Tiago Cardoso a fazer grande defesa. O Santa respondeu em seguida, Anderson Pedra arriscou de longe, a bola passou perto do gol de Rodrigo.

O Porto perdeu outra boa chance aos 39, Pirata fez boa jogada e tocou para Jefferson Renan dentro da área, o atacante chutou, Tiago Cardoso soltou e a bola bateu na trave. O Santa ainda desperdiçou outra boa chance aos 42 minutos. Flávio Recife invadiu a área e chutou na saída de Rodrigo, que salvou o Gavião.

No próximo domingo, o Porto volta a campo para enfrentar o Central apenas para cumprir tabela. A partida servirá como preparação para o octogonal final que definirá os dois rebaixados e quem ficará com a ultima vaga da Série D.

Um comentário:

Anônimo disse...

Valeu porto o jôgo não foi só contra o Santa, avante! Zezo da bôa vista I