Seguidores

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

ELENILSON DEIXA O COMANDO TÉCNICO DO PORTO

Elenilson Santos não mais o técnico do Porto, o treinador deixa o Gavião depois do baixo desempenho de sua equipe neste inicio de Campeonato Pernambucano. Em seis jogos na competição, foram três empates, duas derrotas e apenas uma vitória. Quem assume o cargo é Serjão, técnico do Sub-17.

Elenilson assumiu a equipe depois da saída de Daniel Neri no começo do Estadual de 2014. Conseguiu classificar o clube para o Hexagonal do Título e consequentemente para o Brasileiro da Série D. Mas acabou na lanterna no hexagonal e caiu na primeira fase do Brasileiro.


HISTÓRICO: Nos últimos anos demitir treinadores no inicio do Pernambucano vem se tornando rotina no Gavião. Foi assim com Daniel Neri em 2014, Adelmo Soares em 2013 e com Laelson Lima em 2012.   

domingo, 28 de dezembro de 2014

MELHORES MOMENTOS PORTO 1X1 AMÉRICA

PORTO SAI NA FRENTE, MAS NÃO SEGURA O AMÉRICA

O Porto não conseguiu passar pelo América na tarde deste domingo no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru. Em partida válida pela sexta rodada do Campeonato Pernambucano, o Gavião saiu na frente com um gol de Marlon, mas acabou cedendo um gol nos acréscimos, terminando num empate em 1 a 1. Por sorte, apenas o Vera Cruz venceu na rodada, que teve mais dois empates, resultados que manteve o Porto na sétima posição, com seis pontos, a três pontos do segundo colocado, o Serra Talhada.

As duas equipes protagonizaram um primeiro tempo tecnicamente fraco. Talvez o forte calor da tarde de Caruaru, ou pela marcação cerrada, o certo é que foi uma etapa em que as equipes pouco produziram.

O América entrou em campo com uma proposta defensiva, que ficou ainda mais acentuada quando perdeu seu camisa dez, Kássio, por lesão, deixando as ações ofensivas apenas com Jackson e Deisinho. O Porto tinha pouca criatividade no meio campo, vivendo de arrancadas pouco produtivas de Luquinha e Jeremias.

Na melhor chance do Gavião, aos oito minutos, Etinho cruzou da esquerda e encontrou Luquinha, livre próximo da pequena área, mas o meia do Porto apenas resvalou de cabeça com a bola saindo perigosamente à esquerda de Jorge.

O América chegou com perigo aos 27. Deisinho recebeu dentro da área, jogou entre as pernas de Eriveltro, mas acabou chutando por cima do gol de Dida.

No segundo tempo o jogo melhorou. Elenilson promoveu a entrada de Marlon, na vaga do pouco produtivo Etinho. Mas foi o América que atacou primeiro. Logo aos dois minutos Jackson fez boa jogada pela direita e cruzou para Rei, mandar por cima do gol.

O Porto respondeu aos 13 minutos. Kiros lançou Jeremias, que invadiu a área e chutou com perigo à esquerda de Jorge. Mais uma vez o Porto, aos 18 Marlon invadiu a área e rolou para Luquinha, a defesa tentou afastar, mas a bola voltou com Marlon, que tocou no canto esquerdo de Jorge, abrindo o placar para o Gavião.

O técnico Elenilson Santos, que iria entrar com Jefinho, desistiu e promoveu a entrada de Vagner Rosa. O time perdeu o contra ataque e passou a ser dominado a partir da metade da etapa complementar. Mesmo assim, o maior perigo produzido pelo América foi em uma cobrança de escanteio, que o zagueiro David furou na hora de definir.

Nos acréscimos veio o castigo. Jackson cobrou um lateral errado, Rei rolou para Deisinho, que se aproveitou do cochilo de Mardley na marcação, avançou e chutou rasteiro, a bola foi defensável, mas Dida aceitou. Estava decretado o empate e o resultado final do jogo.  

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

PORTO TENTA REABILITAÇÃO CONTRA O AMÉRICA NESTE DOMINGO

Após cinco rodadas e com apenas cinco pontos somados, o técnico do Porto, Elenilson Santos, deve promover pelo menos três mudanças em relação ao time que foi goleado pelo Central na última rodada. Mas apenas uma dessas mudanças será por critérios técnicos, as outras duas acontecem por contusão.

No gol Rudison, após atuação desastrosa no clássico de domingo, perde a posição de titular para Dida. O jovem goleiro tem 25 anos chegou ao Gavião para disputar a Série D do Campeonato Brasileiro, mas ficou na reserva de Rudison durante a competição. Dida chegou ao Porto após boas atuações no Chã Grande durante as temporadas de 2013 e 2014. Também atuou no América, Pesqueira e Araripina. Será a primeira chance do arqueiro como titular do Porto.

As outras duas mudanças ocorrem por ordem médica. Geninho fraturou o pé esquerdo no clássico contra o Central e deve ficar um mês fora do time. Thaciano será outro desfalque para domingo, o meia deixa o time por lesão muscular.

Isso sem contar que Elenilson Santos perdeu o zagueiro Charleston, que passou por uma cirurgia de apêndice e Jefferson Renan, que foi emprestado ao Náutico até o final do ano.

Como a direção indica que não irá contratar ninguém por enquanto, a solução para Elenilson é buscar alternativa dentro do próprio elenco. Com isso Zacarias (22 anos) e Eriveltro (20 anos) brigam por espaço na defesa. No meio, a vaga pode ficar com o jovem Jeremias, de apenas 17 anos.


O provável time do Porto para o confronto contra o América é o seguinte: Dida, Téo, Alisson, Zacarias (Eriveltro) e Jackson. Clebson, Mardley, Luquinha e Jeremias. Kiros e Etinho (Erickys). 

domingo, 21 de dezembro de 2014

MELHORES MOMENTOS DE CENTRAL 4X1 PORTO PELO PE 2015

Rudison falha três vezes e Porto é golado pelo Central

O Porto perdeu mais uma vez para o Central no Estádio Luiz Lacerda. Numa tarde infeliz do goleiro Rudison, que falhou em três gols, o Gavião foi goleado implacavelmente por 4 a 1 neste domingo, pela quinta rodada do Campeonato Pernambucano. Com o resultado, o Porto caiu para penúltima posição com cinco pontos. O Central lidera com treze.

As duas equipes começaram o jogo arriscando pouco no ataque. O Porto trabalhava a posse de bola, mas a defesa do Central sempre levava vantagem. O primeiro lance de perigo surgiu aos oito minutos em favor do Porto. Clebson da intermediaria arriscou o chute, o goleiro Beto chegou a tocar a bola com a ponta dos dedos, mandando para escanteio.

O jogo seguia sem grandes emoções, até que aos 20 minutos, Rudison cometeu um erro bisonho. O arqueiro do Porto jogou a bola nos pés de Ferreira. O lateral direito do Central não perdeu tempo, da intermediária mandou de cobertura, abrindo o placar para o Central. Foi a segunda erro de Rudison na competição, o arqueiro já havia falhado no segundo gol do Pesqueira no último domingo.

O gol desconcentrou o Porto, a equipe passou a errar passes no ataque e cometer faltas em seu campo defensivo. Um prato cheio para o jogo aéreo do adversário. Aos 27 minutos minutos, numa dessas faltas, Janilson mandou bola na área e André Lima subiu sem ser incomodado, cabeceando no canto direito de Rudison, que dessa nada pôde fazer.

Foi a última jogada de Janilson Madona no jogo. O lateral foi substituído dois minutos depois por Leandro Silva, por contusão.

Atrás no placar, o Porto mudou a postura, passou a apostar no jogo aéreo com lançamentos do campo de defesa para Kiros. O atacante era a figura mais lucida do ataque do Porto, mas com Etinho em mais uma tarde pouco inspirada, as jogadas ofensivas emperravam.

Aos 41, mais uma baixa para o Central. Roberto Píteo também saiu machucado dando lugar para William.

No intervalo, o técnico Elenilson Santos fez sua primeira substituição: entrou Luquinha na vaga de Caio. Mas, em mais uma jogada infeliz de Rudison surgiu o terceiro gol do Central aos cinco minutos. Numa bola alçada na área, o goleiro do Porto tentou saiu de soco, mas acabou espanando a bola na cabeça de Everton, que não pensou duas vezes e mandou por cobertura. 3 a 0 Central.

Por contusão, Elenilson fez mais uma mudança. Saiu Thaciano para a entrada de Jefinho.

O pesadelo de Rudison não parava. Aos 25 minutos, o arqueiro errou em duas saídas do gol. Na primeira não achou nada, na segunda, jogou a bola nos pés de Everton, que não teve trabalho para ampliar a goleada. 4 a 0.

O Porto seguia sendo time de uma tecla só: Kiros. Mas sua cobrança de falta aos 14 minutos foi para fora.

Neste momento, Ericks era a última aposta de Elenilson entrando na vaga de Etinho. Em vantagem no placar, Laelson Lima sacou Candinho para entrada de Juninho Silva. O objetivo era não perder força nos contra ataques. O Porto voltou a tocar bola, mas faltava poder ofensivo para o ataque.

Apenas no final, aos 39, Ericks recebeu na entrada da área, dominou e chutou no canto esquerdo de Beto, diminuindo o placar.

Com o resultado, a Patativa soma dez jogos sem perder para o rival, o Porto amarga mais uma derrota e de goleada, a oitava derrota nesta sequencia de resultados negativos contra o rival.


sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Estádio Antônio Inácio recebe sistema de irrigação

O Estádio Antônio Inácio de Souza recebeu nesta semana o sistema de irrigação. O gramado está sendo reformado para receber os jogos do Porto a partir de janeiro pelo Campeonato Pernambucano. Além do gramado, outros pontos do estádio, como banheiros, posto policial e arquibancadas estão passando por melhorias. A intenção da Liga Desportiva é que tudo fique pronto até o dia 7 de janeiro, dia em que o Porto enfrenta o Ypiranga pela oitava rodada.

CLÁSSICO COM MAIS DE 20 ANOS DE HISTÓRIA

Próximo domingo é dia de clássico em Caruaru. Porto e Central se enfrentam na 52ª edição do clássico caruaruense. Em 20 anos de história a vantagem é do Central, com 22 vitórias, contra 16 do Porto. O Gavião não vence seu maior rival desde 2011, uma sequencia de nove jogos, sendo sete vitórias do Central e dois empates.

CONFRONTOS ENTRE PORTO E CENTRAL

1- CENTRAL 2X0 PORTO (PE94)
2- PORTO 0X4 CENTRAL (PE94)
3- CENTRAL 1X0 PORTO (PE94)
4- CENTRAL 0X3 PORTO (PE95)
5- PORTO 3X2 CENTRAL (PE95)
6- CENTRAL 2X2 PORTO (PE95)
7- PORTO 1X0 CENTRAL (PE95)
8- PORTO 1X1 CENTRAL (PE96)
9- CENTRAL 3X2 PORTO (PE96)
10- PORTO 1X1 CENTRAL (PE96)
11- PORTO 2X1 CENTRAL (PE97)
12- PORTO 0X0 CENTRAL (PE97)
13- PORTO 3X2 CENTRAL (PE97)
14- PORTO 2X0 CENTRAL (PE98)
15- CENTRAL 0X1 PORTO (PE98)
16- PORTO 1X1 CENTRAL (PE00)
17- CENTRAL 0X1 PORTO (PE00)
18- PORTO 2X1 CENTRAL (PE00)
19- CENTRAL 1X1 PORTO (PE00)
20- PORTO 0X1 CENTRAL (BR00)
21- CENTRAL 0X0 PORTO (BR00)
22- PORTO 0X1 CENTRAL (PE01)
23- CENTRAL 0X2 PORTO (PE01)
24- PORTO 2X1 CENTRAL (PE01)
25- CENTRAL 2X0 PORTO (PE01)
26- CENTRAL 2X1 PORTO (Copa Jarbas Vasconcelos 02)
27- PORTO 0X0 CENTRAL (PE02)
28- CENTRAL 0X0 PORTO (PE02)
29- PORTO 2X1 CENTRAL (PE04)
30- CENTRAL 3X0 PORTO (PE04)
31- PORTO 1X1 CENTRAL (PE06)
32- CENTRAL 1X0 PORTO (PE06)
33- PORTO 2X0 CENTRAL (PE07)
34- CENTRAL 1X0 PORTO (PE07)
35- CENTRAL 1X1 PORTO (PE08)
36- PORTO 0X1 CENTRAL (PE08)
37- CENTRAL 2X3 PORTO (PE09)
38- PORTO 2X1 CENTRAL (PE09)
39- PORTO 0X1 CENTRAL (PE10)
40- CENTRAL 2X0 PORTO (PE10)
41- PORTO 2X3 CENTRAL (PE11)
42- CENTRAL 0X4 PORTO (PE11)
43- CENTRAL 4X0 PORTO (PE12)
44- PORTO 0X0 CENTRAL (PE12)
45- PORTO 0X4 CENTRAL (PE13)
46- CENTRAL 3X0 PORTO (PE13)
47- PORTO 0X3 CENTRAL (PE13)
48- PORTO 1X1 CENTRAL (PE14)
49- CENTRAL 1X0 PORTO (PE14)
50- CENTRAL 2X1 PORTO (PE14)
51- PORTO OX5 CENTRAL (PE14) 

CENTRAL 22 VITÓRIAS
PORTO 16 VITÓRIAS
EMPATES: 13

GOLS DO CENTRAL: 70
GOLS DO PORTO: 50

Maior sequencia sem derrotas para o Porto: 10 jogos entre 1996 e 2000
Maior sequencia sem derrotas para o central: 9 jogos entre 2012 até hoje.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

KIROS MARCA DUAS VEZES E PORTO VENCE A PRIMEIRA

Demorou quatro rodadas, mas finalmente o Porto comemorou a primeira vitória no Campeonato Pernambucano 2015. Depois de bater na trave no último domingo, após sofrer o gol de empate nos acréscimos, o Gavião bateu o Vera Cruz na noite desta quarta-feira por 2 a 1 no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru. A vitória deixou o Porto com cinco pontos, a dois pontos do G-2, que atualmente é ocupado por Central (10 pontos) e Ypiranga (sete pontos). Destaque para Kiros, que marcou os dois gols da Gavião.

Os visitantes imprimiram um ritmo forte desde o inicio. Aos 4 minutos, Caique recebeu pela esquerda, invadiu a área e chutou forte. Rudison precisou segurar em dois tempos para afastar o perigo.

O Porto não demorou para responder, e quando atacou foi logo marcando. Aos 13 minutos, Jackson arriscou de fora da área, a bola bateu no defensor do Vera Cruz e sobrou com Kiros, que chutou de primeira sem chance de defesa para Andrei. 1 a 0 Porto.

Aos 16, mais uma chance em favor do gavião. Luquinha pegou a sobra de fora da área, mas a bola foi sem direção, à direita do goleiro do Vera Cruz.

Com a vantagem no placar, o Porto recuou e passou a oferecer espaços ao adversário. Kiros acabou ficando isolado na frente e o vera Cruz apertou a saída de bola do Porto. Aos 23, Fabricio saiu errado, Cesinha tocou para Bala que se livrou da marcação e deixou Walber na cara do gol, mas a definição do lateral do Vera cruz saiu fraquinha facilitando a defesa de Rudson,

O Porto passou a explorar as bolas paradas com Kiros. Aos 31, o atacante cobrou falta de longe e acertou a trave de Andrei. Kiros apareceu novamente aos 43 minutos. Jackson cobrou escanteio e o atacante subiu de cabeça, a bola bateu na trave e foi afastada pela defesa.

Nos acréscimos da primeira etapa, Fabricio e Clebson vacilaram na marcação e deixaram Cesinha livre dentro da área. O atacante tabelou com Cláudio e chutou. Rudson tirou com o pé, mas a bola voltou com Cláudio, que com o gol vazio deixou tudo igual.

Na volta para o segundo tempo o Porto conseguiu um gol relâmpago. Logo aos dois minutos, Clebson cruzou da direita e encontrou Kiros que subiu livre e cabeceou no canto esquerdo de Andrei, que nada pôde fazer. 2 a 0 Porto.

O gol acabou esfriando o ânimo do Vera Cruz e deu ao Porto mais confiança para atacar. Foi de sucessão de gols perdidos para o Gavião. Primeiro com Luquinha aos nove e 12 minutos. Aos 15, Jackson cobrou falta com perigo. Três minutos depois foi a vez de Téo desperdiçar mais uma vez.

O Vera Cruz acordou apenas aos 23 minutos. Rafinha recebeu de Bala dentro da área, mas chutou no meio do gol facilitando a defesa de Rudison.

Mais uma boa sequencia de ataques do Porto. Aos 27, Téo surgiu na cara do gol, mas acertou a trave de Andrei. No minuto seguinte foi a vez de Thaciano perder de cara para o goleiro. Aos 29, Kiros cabeceou no canto, para mais uma ótima intervenção do goleiro do vera Cruz.


No final, o técnico Elenilson Santos fechou a defesa com as entradas de Caio e Geninho, nas vagas de Vagner Rosa e Téo. O Vera Cruz não encontrou forças para empatar e o placar não sofreu alteração.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

PE 2015 TEM QUATRO JOGOS NESTA QUARTA-FEIRA

A quarta do Campeonato Pernambucano 2015 acontece nesta quarta-feira com quatro jogos. Destaque para o duelo entre Serra Talhada e Central, no Nildo Pereira, em Serra Talhada. Os dois melhores times da competição se enfrentam de olho na liderança. O Central está em primeiro com sete pontos, o Serra vem na sequencia com cinco pontos. As duas equipes estão invictas na competição.

Pelo lado do Central, a única baixa será a do volante Diego Telles, suspenso pelo terceiro cartão 
amarelo. Tudo indica que o técnico Laelson Lima irá optar pelo jovem Natan.

O restante do time é o mesmo que venceu o Atlético no último domingo: Beto, Ferreira, André Lima, Everton e Leandro Silva. Natan, Fernando Pires, Diego Góis e Thiago Laranjeira. Candinho e Roberto Pítio.

Em Caruaru, o Porto vai em busca da primeira vitória na competição contra o terceiro colocado: o Vera Cruz. Em três jogos na competição foram dois empates e uma derrota.


Em Carpina, no Paulo Petribu, o Atlético recebe o Pesqueira e em Santa Cruz do Capibaribe, o Ypiranga recebe o América. Todos os jogos acontecem nesta quarta-feira às 20h.

domingo, 14 de dezembro de 2014

EMPATE COM GOSTO AMARGO EM PESQUEIRA


O Porto voltou a decepcionar mais uma vez no Campeonato Pernambucano. Em jogo válido pela terceira rodada da competição, o Gavião chegou a ficar duas vezes na frente do placar, mas não soube segurar o adversário e acabou num empate com o Pesqueira por 2 a 2.

O Porto abriu o placar com Jackson aos 12 do primeiro tempo. O time da casa empatou com Elton Luís, aos 39 minutos. Ainda na etapa inicial, Kiros, de pênalti, deixou novamente o Porto em vantagem. O jogo acabou sendo decidido nos acréscimos, Dunga marcou aos 46 minutos, decretando o empate do Pesqueira.

O resultado acabou sendo ruim para as duas equipes, que dividem a sexta posição com dois pontos, mesma pontuação que o lanterna América, que perde nos critérios de desempate.
As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira. O Porto encara o vera cruz dentro de casa e o Pesqueira encara o Atlético em Carpina.

OUTROS RESULTADOS:


O Central venceu o Altético por 2 a 1 no Luiz Lacerda. Nos aflitos o Serra Talhada venceu o América por 2 a 0. Em Vitória de Santo Antão deu empate entre Vera Cruz e Ypiranga: 0 a 0.

sábado, 13 de dezembro de 2014

DESFALCADO, PORTO APOSTA EM KIROS PARA VENCER O PESQUEIRA

Se no Campeonato Brasileiro na Série D o Porto tinha uma equipe titular definida, que chegou a atuar sem modificações por seis jogos seguidos, no Campeonato Pernambucano os problemas vêm se acumulando para o treinador Elenilson Santos.

Primeiro foi a saída do lateral direito Henrique, que estava emprestado ao Porto e retornou para o Itabaiana. A direção revolveu apostar na improvisação de Evandro na posição, mas o volante improvisado não se saiu bem na estreia e perdeu posição para o prata da casa Jader. Outro setor que vem dando dor de cabeça para o treinador é a defesa. Ao que parece, Geninho e a direção não entraram em um acordo financeiro e Alisson vem atuando como titular. Para completar, Charleston precisou ser operado durante a semana após uma crise de apendicite, Fabrício deve ser o titular.

Para piorar a situação, um dos pontos fracos do time no ano passado, o ataque, novamente vem deixando a desejar. Para isso a solução encontrada foi apostar na volta de Kiros. O atacante estava treinando com o elenco desde o começo da preparação, chegou a ser sondado por outros times. Como nada foi concretizado, o atacante será titular neste domingo contra o Pesqueira, no Joaquim de Brito.

O jogo começa às 16h e marcará a estreia de Marcelo de Lima Henrique (Fifa-PE) como árbitro da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (Ceaf-PE).


O Porto deve começar a partida com: Rudison, Jader, Alisson, Fabrício e Jackson. Clebson, Mardley, Luquinha e Thaciano. Etinho e Kiros. 

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

PORTO PERDE PARA O ATLÉTICO EM CARPINA

O Porto perdeu para o Atlético por 2 a 1 na noite desta quarta-feira em partida válida pela segunda rodada do Pernambucano 2015. O  aconteceu no Estádio Paulo Petribu, em Carpina. Os atleticanos abriram o placar com Alan aos seis minutos do segundo . Aos 23, Cajá ampliou o placar. O Gavião descontou com Alisson, aos 49 minutos de jogo.
Com o resultado, o Porto ocupa a última posição da competição com apenas um ponto. O Atlético é terceiro com três.
No Estádio Nildo Pereira, Serra Talhada e Vera Cruz empataram sem gols. Já em Pesqueira no Joaquim Brito, Pesqueira e América empataram em 1 a 1. Os gols aconteceram no primeiro tempo: Elton Luís aos 16 minutos para o Pesqueira e Jackson empatou para o Mequinha aos 41 minutos.
Em Caruaru, Everton e Candinho deram a vitória de 2 a 0 do Central sobre o Ypiranga.

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

PORTO SOBE EM RANKING DA CBF

A exemplo do que é feito habitualmente nesta época do ano, a CBF publicou nesta segunda-feira o RNC – Ranking Nacional de Clubes e o RNF – Ranking Nacional das Federações edição de 2015. O clube que ocupa atualmente a primeira posição é o Cruzeiro. Corinthians, Flamengo e Grêmio vêm logo atrás. Entre as federações, São Paulo lidera seguida pelo Rio de Janeiro.

O ranking representa a aplicação da convenção de pontos oficialmente adotada pela CBF conforme determina a RDP – 11/2012 de 31 de outubro de 2012. Para facilitar a compreensão de todos, está anexada abaixo a referida RDP e a Tabela de Convenção de Pontos do Ranking Nacional de Clubes.

É importante ressaltar que no RNF a posição de cada federação representa a somatória dos pontos de seus filiados.

PERNAMBUCO:

No estado o time mais bem colocado é o Sport na 20ª posição com 6970. O Náutico é 26º com 6470. O Santa Cruz vem em 36º com 3930. O Salgueiro é o 49º com 2672. O Central é 87º com 581. O Porto é o 115º com 387 pontos. O Ypiranga é o 123º com 357 pontos. O raking ainda tem o Petrolina na posição 176.


Em relação ao Ranking do ano passado o Sport estava em 24º e subiu quatro posições. O Náutico caiu de 21º para 26º. O Santa Cruz subiu de 45º para 36º. O Salgueiro caiu duas posições. O Central subiu de 94 para 87. E o Porto saltou da 182º para a posição 115.

PORTO ENCARA O ATLÉTICO FORA DE CASA

Depois de estrear no Campeonato Pernambucano com empate diante do Serra Talhada no último domingo. O Porto vai até Carpina, no Estádio Paulo Petribu, para encarar o Atlético pela segunda rodada da competição. O jogo acontece às 20h.

No duelo entre Atlético-PE e Porto o árbitro será Anderson Freitas com os assistentes Clóvis Amaral e Aílton dos Santos Júnior.

domingo, 7 de dezembro de 2014

PORTO EMPATA NA ESTREIA

Em sua esteia no Campeonato Pernambucano 2015, o Porto não conseguiu passar pelo Serra Talhada e acabou num empate no Lacerdão em 0 a 0.

Com a saída de Henrique do time, o técnico Elenilson santos resolveu apostar no improviso, com a escalação de Evandro na lateral direita. O primeiro tempo foi de muita marcação e equilíbrio.  Poucos foram os lances de perigo.

Após escanteio, Etinho perdeu a primeira chance de cabeça em favor do Porto aos sete minutos. No minutos seguinte, Joelton chutou fraco, o goleiro do Serra não segurou, mas a defesa afastou o perigo.

O jogo seguiu morno, o Serra só reagiu depois que Evandro perdeu a bola  no meio campo. Júnior Juazeiro foi lançado e entrou na área, o atacante caiu e ficou pedindo pênalti.

O Porto novamente no ataque, mas a cabeçada de etinho foi pra fora.

No segundo tempo o Serra Talhada passou a dominar e comandar as principais ações do jogo. Jhonny arriscou de fora da área e Rudson apareceu bem aos oito minutos.
Aos 26 minutos foi a vez de Jr Juazeiro na entrada da área mandar pra longe da meta defendida por Rudson.

Elenilson resolveu apostar nas entradas de Jefinho e Erikys para tentar uma reação. Mas era o Serra que dominava o jogo. Aos 28, Kassio entrou na área e chutou para defesa de Rudson. O lateral do Serra apareceu novamente no minuto seguinte. O jogador fez boa jogada pela direita, mas acabou chutando nas mão de Rudson.

A entrada da Vagner Rosa permitiu ao Porto um maior equilíbrio no meio campo, mas o Serra continuou mais perigoso.

As chances iam surgindo, mas Júnior Juazeiro nem Hélio Paraíba estavam em dia inpirado.

Final no Lacerdão: Porto 0 a 0 Serra Talhada. O Gavião volta a campo na próxima quarta-feira contra o Atlético-PE em Carpina. O Serra encara o Vera Cruz em casa.





quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Ranking coloca o Porto como o quinto mais regular dos últimos dez anos

O Salgueiro vem em franca ascensão no futebol pernambucano nos últimos anos, terceiro colocado em 2012 e 2014, a equipe sertaneja vem subindo no Ranking de Regularidade criado pela TV Criativa.

O ranking tem a finalidade de apurar a regularidade das equipes que disputaram o Campeonato Pernambucano nos últimos dez anos. A sistema de pontuação é o seguinte: 10 pontos para o campeão, nove para o vice, oito para o terceiro e assim sucessivamente até o décimo colocado que recebe um ponto.

Mas mesmo a ascensão do Carcará não foi suficiente para conquistar o domínio no interior do estado. O Salgueiro segue atrás de Central, 51 pontos, e Porto, com 47, ficando em sexto lugar com 46 pontos, dois a mais que o sétimo lugar, o Ypiranga com 44.


Enquanto os times do interior brigam entre si, o abismo que os separa dos times da capital segue imenso. A liderança segue com o Sport com incríveis 96 pontos, com seis títulos nos últimos dez anos. Mesmo sem títulos, o Náutico é o segundo com 82 pontos e o Santa Cruz é o terceiro com 81 e quatro títulos em dez anos.



Pts
14
13
12
11
10
09
08
07
06
05
1
SPORT
96
1
2
2
2
1
1
1
1
1
2
2
NÁUTICO
82
2
3
4
3
2
2
2
3
4
3
3
SANTA CRUZ
81
4
1
1
1
3
3
7
6
2
1
4
CENTRAL
51
5
5
10
5
4
6
3
2
8
-
5
PORTO
47
6
9
7
4
6
5
9
4
5
8
6
SALGUEIRO
46
3
6
3
7
8
4
4
-
9
9
7
YPIRANGA
44
10
4
6
10
7
7
5
7
3
7
8
SERRANO
20
-
-
-
-
-
11
6
8
6
4
9
PETROLINA
14
-
11
5
6
-
12
8
-
-
-
10
CABENSE
11
-
-
-
11
5
8
-
9
-
-
11
VITÓRIA
9
12
-
-
12
10
9
-
-
10
6
12
SERRA TALHADA
8
8
8
9
-
-
-
-
-
-
-
13
PESQUEIRA
8
7
7
-
-
-
-
-
-
-
-
14
VERA CRUZ
6
-
-
-
-
11
-
11
5
-
-
15
ITACURUBA
6
-
-
-
-
-
-
-
-
-
5
16
ARARIPINA
5
-
-
11
8
9
-
-
-
-
-
17
AMÉRICA
4
9
-
12
9
-
-
-
-
-
-
18
ESTUDANTES
4
-
-
-
-
-
-
-
-
7
-
19
BELO JARDIM
4
-
12
8
9
-
-
-
-
-
-
20
S. DE SETEMBRO
2
-
-
-
-
12
10
10
-
-
-
21
CHÃ GRANDE
1
11
10
-
-
-
-
-
-
-
-
22
MANCHETE
1
-
-
-
-
-
-
-
-
-
10
23
CENTRO
-
-
-
-
-
-
-
12
-
-
-