Seguidores

quarta-feira, 1 de junho de 2016

FPF divulga tabela do Pernambucano Sub-20

A Federação Pernambucana de Futebol divulgou a tabela do Campeonato Pernambucano Sub-20. As doze equipes que participaram da Série A1 deste ano irão disputar a taça. Na primeira fase, as equipes estarão divididas em quatro grupos com três times cada, com duas equipes avançando para a segunda fase.
O Grupo A será formado por Náutico, Porto e Vitória. O Grupo B tem Sport, Atlético e Central. O Grupo C tem América, Santa Cruz e Belo Jardim e finalmente o D com Salgueiro, Pesqueira e Serra Talhada.
Semifinalista em 2015, o Porto estreia contra o Náutico nos Aflitos no dia 3 de julho. Confira os jogos do Gavião nesta primeira fase:
Náutico x Porto (Aflitos, domingo, 3 de julho)
Porto x Vitória (Antônio Inácio, domingo, 10 de julho)
Vitória x Porto (Carneirão, sábado, 30 de julho)
Porto x Náutico (Antônio Inácio, sábado 6 de agosto)

sábado, 5 de março de 2016

PORTO VOLTA A SER REBAIXADO APÓS 14 ANOS

Após 14 anos, o Porto voltou a ser rebaixado para a Série A2 do Campeonato Pernambucano. Na tarde deste sábado, o Gavião precisava apenas de um empate para se manter na elite do futebol pernambucano, mas acabou empatando com o Vitória em 1 a 1, em jogo realizado no Estádio Antônio Inácio de Souza.

O Vitória abriu o placar com Brendon, cobrando pênalti aos oito minutos. O Porto empatou apenas aos 39, com Alaf.

O Porto terminou o Hexagonal da Permanência na penúltima posição com 11 pontos. Em dez jogos foram duas vitórias, cinco empates e três derrotas. Foram apenas cinco gols marcados e oito sofridos.
Juntando os números do primeiro turno: foram 16 jogos, com quatro vitórias, sete empates e cinco derrotas. 11 gols marcados e 14 sofridos. O aproveitamento foi de 40%.

Em 2013, o Porto viveu situação semelhante, mas  Joelson salvou o time do rebaixamento marcando 70% dos gols do time naquele ano. Em 2015, foi a vez de Kiros salvar o Porto com quase 50% dos gols marcados pelo Gavião naquele ano.

A saída de Joelson no começo do Hexagonal da Permanência dificultou ainda mais a criação de jogadas ofensivas do Porto. Mas o que acabou sendo determinante, foi a falta de investimento da direção, que apostou na juventude do time, que tinha uma média de 19,7 anos

Confira abaixo os jogadores que entraram em campo neste sábado com a idade entre parênteses.:  

Evandrízio (22), Téo (18), Charleston (19), Alaf (20) e Fabrício (22)Clebson (20). Jeferson (18), Vinícius (19), Mardley(21) e Luquinha (22) (Jonatas)(18). Erikys (20)(Tulio)(19) e Marlon (18).

quarta-feira, 2 de março de 2016

PORTO PERDE E ENTRA NA ZONA DE REBAIXAMENTO

Com um gol de Danilo Quipapá no último lance da partida, o Porto acabou perdendo para o Belo Jardim na noite desta quarta-feira por 1 a 0. O  foi válido pela nona rodada do Hexagonal da Permanência do Campeonato Pernambucano. 
Com o resultado, o Belo Jardim não corre mais riscos de rebaixamento. Já o Porto, entra na zona de rebaixamento da competição, mas terá a chance de sair na última rodada, quando enfrentará o Vitória no Antônio Inácio de Souza, próximo sábado. Uma vitória simples salva o Gavião da degola.
Não será tarefa fácil para o técnico Serjão, que tem uma equipe bastante jovem e com bastante dificuldades em marcar gols. O Porto tem o pior ataque do hexagonal com apenas cinco gols marcados em nove jogos. Foram duas vitórias, quatro empates e três derrotas até aqui.
Nos outros confrontos da noite o Pesqueira acabou sendo rebaixado ao empatar com o Atlético em 1 a 1. No carneirão, o Vitória empatou com o Serra Talhada em 0 a 0.
O Atlético lidera a competição com 17 pontos, Belo Jardim e Serra Talhada com 12 não correm mais riscos de rebaixamento vêm em seguida. Vitória com 11 e Porto com nove, vão duelar na última rodada para não cair. E o Pesqueira é o  com oito pontos, já está matematicamente rebaixado.

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Melhores momentos: Porto 0 a 0 Pesqueira

Hexagonal da Permanência: novo empate em casa complica a vida do Porto

Com apenas duas vitórias em oito jogos no Hexagonal da Permanência, a situação do Porto está longe de ser confortável em sua luta contra o rebaixamento. Com mais um empate conquistado dentro de , mais uma vez sem gols, dessa vez contra o Pesqueira, o Gavião terminou a rodada deste sábado com 10 pontos na quarta posição, apenas um ponto a frente do Belo Jardim, primeiro time na zona de rebaixamento.
Se por um lado a situação é delicada, a agonia Tricolor pode ter fim na próxima rodada, já que o adversário será o próprio Belo Jardim, e um triunfo na próxima quarta-feira, no Sesc Mendonção, livra o Porto de qualquer risco de rebaixamento, já que o Gavião abriria quatro pontos e com apenas mais uma rodada a ser realizada, não correria mais riscos de rebaixamento.
Por outro lado, um tropeço complicaria bastante a vida do Porto, já que poderia chegar na última rodada precisando vencer o vitória e ainda torcer por outros resultados.
OUTROS RESULTADOS
Ainda pela oitava rodada, no Carneirão, Careca marcou duas vezes na vitória do Vitória sobre o Belo Jardim por 2 a 1. Raniel descontou para o Calango. No Paulo Petribu, Júnior e Alan marcaram na vitória do Atlético sobre o Serra Talhada.
O resultado livrou o Atlético de qualquer risco de rebaixamento, já que agora tem 16 pontos e não pode ser mais alcançado pelo quinto colocado. O Serra é segundo com onze, Porto e Vitória têm dez, Belo Jardim tem nove e Pesqueira na  tem sete.
Na próxima rodada o Belo Jardim encara o Vitória, o Pesqueira pega o Atlético e o Vitória enfrenta o Pesqueira. 

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Entrevista com técnico do Porto: Serjão

Porto empata em casa e ainda corre risco. Confira os resultados desta quarta-feira

O porto não aproveitou o mando de campo e acabou empatando com o Atlético em 0 a 0. O  foi realizado nesta quarta à tarde  e foi válido pela sétima rodada do hexagonal da morte do Campeonato Pernambucano 2016. Com o resultado, o Porto soma nove pontos na competição, e agora ocupa a quarta posição. O Atlético-PE lidera a competição com treze pontos.
Pela noite, o Vitória esfriou a reação do Pesqueira ao empatar fora de  em 0 a 0. No Nildo Pereira, o Belo Jardim surpreendeu o Serra Talhada e venceu por 2 a 1. Edson marcou para o Belo Jardim aos 40 minutos de jogo. André Recife ampliou para o Calango aos sete minutos da etapa final. O Serra diminuiu com Moisés aos 21, fechando o placar da partida.
O Atlético lidera a competição com 13 pontos, seguido por Serra Talhada com 11, Belo Jardim e Porto com nove. Vitória com sete e Pesqueira com seis, ocupam as últimas posições, na zona de rebaixamento.
Na luta contra o rebaixamento o Porto terá pela frente os seguintes confrontos: Pesqueira, dentro de casa, o Belo Jardim fora, e encerra contra o Vitória em casa.

Porto perde volta a ficar perto da zona de rebaixamento

O Porto saiu na frente, mas não conseguiu segurar o Serra Talhada fora de   e perdeu por 2 a 1 em  válido pela sexta rodada do Hexagonal da Permanência do Campeonato Pernambucano. Com o resultado, o Porto permanece com oito pontos, dois pontos de vantagem para o Vitória, primeiro time na zona de rebaixamento. O Serra Talhada subiu para onze pontos.
Jogando fora de casa, o Gavião até saiu na frente com um  de Túlio, no primeiro minuto de partida. Mas no segundo , os sertanejos partiram pra cima virando o jogo com Matheus, aos 23, e com Paulista aos 46.
Na outra partida da competição, o Belo Jardim perdeu dentro de casa para o Pesqueira por 3 a 2. Diogo abriu o placar aos dois minutos de jogo para o Pesqueira. O Belo Jardim virou com Kelvis aos 8 e com Jackson aos 17. Lulinha empatou para o Pesqueira ainda na primeira etapa, aos 44 minutos. E o próprio Lulinha decretou a vitória do Pesqueira aos 21 do primeiro tempo.
No sábado, o Atlético já havia vencido o Vitória por 2 a 1. Com esses resultados, o Atlético soma 12 pontos, seguido por Serra Talhada com 11, Porto com oito e Belo Jardim com seis. Na zona de rebaixamento está o Vitória com seis e o Pesqueira, que voltou ao páreo, com cinco pontos.

Porto vence o Serra e se distancia da zona de rabaixamento

O Porto venceu o Serra Talhada na tarde desta quarta-feira por 1 a 0 em  realizado no Estádio Antônio Inácio de Souza, em Caruaru. A partida foi válida pela quinta rodada do Hexagonal da Permanência do Campeonato Pernambucano.
 que deu a vitória do gavião foi marcado por Erikys, aos 37 da etapa final. Com a vitória o Porto soma oito pontos, mesma pontuação do Serra, e abre três pontos de vantagem da zona de rebaixamento.
O Porto volta a campo no próximo domingo quando enfrentará o próprio Serra, dessa vez no Estádio Nildo Pereira.

Gol salvador livra Porto da zona de rebaixamento

Com um gol aos 45 minutos do segundo , o Porto arrancou um empate com o Vitória no Carneirão na noite deste sábado pela quarta rodada do Hexagonal da Permanência do Campeonato Pernambucano. O placar final de 1 a 1 manteve o Porto na quarta posição da competição com cinco pontos, mesma pontuação do Vitória, que está na zona de rebaixamento porque tem saldo de gols inferior ao Gavião.
O Vitória abriu o placar com Jefferson Baiano aos 25 da etapa final. Erickys fez o gol salvador do Gavião que enfrentará o Serra Talhada, na próxima rodada no Estádio Antônio Inácio de Souza.
Na outra partida da noite, Pesqueira e Belo Jardim empataram em 0 a 0. A rodada será completada neste domingo com Serra Talhada x Atlético-PE.

Porto perde para o Atlético novamente e fica perto da zona de rebaixamento

O Porto perdeu para o Atlético por 3 a 1 na noite desta quarta-feira em  realizado no Estádio Paulo Petribu, em Carpina. A partida foi válida pela terceira rodada do Hexagonal do Rebaixamento do Campeonato Pernambucano. Foi a segunda derrota do Gavião para o Atlético na competição. O Porto que vem se tornando freguês recorrente do time de carpinense, já que em sete jogos sofreu quatro derrotas, empatou dois e venceu apenas em uma oportunidade.
O Atlético abriu o placar com Júnior aos 10 minutos e ampliou com Janelson aos 46. Joelson descontou ainda na etapa inicial, aos 47. Na etapa final, Júnior marcou novamente, aos 34, e fechou o placar.
No Sesc Mendonção, o Belo Jardim fez valer a força da sua torcida e fez 3 a 0 em cima do Vitória, três gols de Kelvis. Para finalizar a rodada o Serra Talhada venceu o Pesqueira fora de  com um  de Paulista aos 32 da etapa final. 
O Atlético lidera com seis pontos, seguido por Belo Jardim e Serra Talhada com cinco, Porto com quatro, empatado com o Vitória. Na  está o Pesqueira ainda sem pontuar.

Hexagonal da Permanência: Porto empata com o Belo Jardim

O Porto empatou em 0 a 0 na tarde desta quarta-feira com o Belo Jardim e agora soma quatro pontos no Hexagonal da Permanência. O  aconteceu no Estádio Antônio Inácio de Souza, em Caruaru. O Belo Jardim agora soma dois pontos.
Os 222 pagantes presenciaram um confronto de poucas emoções no primeiro . O Porto, apesar de ficar com um homem a mais após a expulsão de Evandro aos seis minutos do segundo tempo, não conseguiu aproveitar a chance de sair de campo com mais uma vitória.
As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira: o Porto encara o Atlético fora de  e o Calango encara o Vitória em seus domínios.

domingo, 31 de janeiro de 2016

PORTO ESTREIA COM VITÓRIA NO HEXAGONAL DA PERMANÊNCIA

Aconteceu neste sábado a primeira rodada do Hexagonal da Permanência do Campeonato Pernambucano. Em Pesqueira, o Porto enfrentou os donos da casa e acabou vencendo por 1 a 0. O gol da partida foi marcado por Marlon, aos seis minutos da etapa inicial.

No Carneirão, o Vitória venceu o Atlético por 3 a 2 e no Sesc Mendonção o Belo Jardim ficou apenas no empate com o Serra Talhada em 1 a 1.

A próxima rodada acontece na quarta-feira com os seguintes jogos: Porto x Belo Jardim, Atlético x Pesqueira e Serra Talhada x Vitória.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

CENTRAL 3X1 PORTO: MELHORES MOMENTOS

PORTO PERDE PRA O CENTRAL E AGORA JOGA PARA FUGIR DO REBAIXAMENTO

O Central venceu o Porto por 3 a 1 na noite desta quarta-feira e garantiu vaga no Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano 2016. O resultado também classificou o Central para as Série D de 2016 e 2017. O Porto amargará por mais um ano o Hexagonal da Morte, com o risco de ser rebaixado para a Série A2 do próximo ano.

As duas equipes entraram em campo com posturas bem definidas: o Central tomava a iniciativa do ataque, embora sempre de forma cautelosa. Já o Porto, se distanciava de seu futebol de toque de bola e apostava nos chutões para frente, na esperança que alguma bola sobrasse para Joelson,

Quando colocou a bola no chão, o Porto não demorou a abrir o placar. Marlon fez linda jogada pra cima da defesa do Central, de frente para o gol chutou para grande defesa de Juninho, mas a bola acabou sobrando para Joelson. O atacante não perdoo e abriu o placar para o Porto.

O gol  tirou um pouco o Central do eixo. O Porto crescia no jogo e via o adversário cada vez mais tenso, principalmente após a saída de Candinho, machucado. Joelson cobrou falta e quase ampliou para o Gavião.

Aos poucos o Central passou a colocar a bola no chão, enquanto o Porto continuava a investir na ligação direta entre defesa e ataque. Melhor para o Central, que após uma jogada trabalhada viu Sadrac cruzar da esquerda na cabeça de Roni, que não deu chance e empatou o jogo.

No segundo tempo o Porto se acuou ainda mais. O Central pressionou de todos os lados e quando não era a pontaria que faltava, era o goleiro Evandrízio que impedia a virada.

No final do jogo, após um bate rebate dentro da área, a bola sobrou com Marcio, que teve a tranquilidade de escolher o canto e chutar sem chance de defesa para Evandrízio. 2 a 1.

No final, ainda houve um pênalti sofrido por Jefinho, que Emerson Sobral acertadamente marcou, mas que acabou sendo muito contestado pelos jogadores do Porto. Araújo foi para a cobrança e fechou o placar. 3 a 1 Central.

O Central estreia na segunda fase contra o América no Estádio Ademir Cunha, em Paulista. O Porto vai encarar o Pesqueira fora de casa pelo Haxagonal do Rebaixamento.


domingo, 24 de janeiro de 2016

MELHORES MOMENTOS: PORTO 0X1 ATLÉTICO-PE

PORTO PERDE PARA O ATLÉTICO E SE COMPLICA

Com a situação favorável na tabela, o Porto entrou em campo neste domingo precisando de uma vitória simples dentro de casa para chegar na última rodada da primeira fase do Campeonato Pernambucano precisando apenas de um empate para avançar para o Hexagonal do Título. Irreconhecível em campo, o Porto acabou perdendo para o Atlético por 1 a 0, viu ainda o Central derrotando o Belo Jardim e assumir a liderança do grupo, de quebra, ainda colocou o Atlético na briga pela vaga.

Na próxima rodada o Gavião vai precisar vencer o Central e ainda brigar no saldo de gol com o Atlético, que vai encarar o eliminado Belo Jardim, se quiser ficar com a vaga.

JOGO:

O Atlético foi superior durante toda partida. Apático, o Porto não conseguia articular grandes jogadas ofensivas ao gol adversário. Em menos de quinze minutos o Atlético já havia criado  pelo menos três situações claras de gol. O Porto assustou o gol adversário apenas numa cobrança de escanteio que Fabrício cabeceou pra fora.

Na volta para a etapa final o panorama não se modificou. O Atlético continuava atacando, mas a bola quase sempre parava nas defesas de Evandrízio. Aos 26, a situação piorou para o Porto com a expulsão de Geninho pelo terceiro cartão amarelo. O técnico Pedro Manta continuou sonhando com a vitória ao não recompor a defesa, que passou a sofrer com as investidas do Atlético.

Aos 36, Lelo recebeu lançamento em posição legal, mas acabou desperdiçando de cara para Evandrízio. Em menos de um minuto o lance se repetiu, mas dessa vez Lelo não deu chances ao goleiro do Porto abrindo o placar.

Sem forças para reagir, o Porto aceitou passivo o resultado e viu a chance de classificação diminuírem dramaticamente.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

MELHORES MOMENTOS: BELO JARDIM 0X1 PORTO

PORTO VENCE O BELO JARDIM E REASSUME LIDERANÇA

O Porto venceu o Belo Jardim no Estádio Sesc Mendonção por 1 a 0. O  aconteceu na noite desta quarta-feira. Com o resultado o Gavião voltou a liderança do Grupo A do Campeonato Pernambucano com oito pontos, um a mais que o Central. O Belo Jardim permanece na  com um ponto.
O Porto dominou todo o primeiro , mas mostrou muito toque e pouca objetividade para chegar ao adversário. No segundo tempo, o Belo Jardim melhorou um pouco, mas não o suficiente para assustar o gol de Evandrízio. Aos 28, Jefferson Renan aproveitou uma bobeira da defesa do Calango e abriu o placar para o Porto. O Belo jardim não esboçou reação e o placar terminou sem alterações.
Na próxima rodada o Porto encara o Atlético no Estádio Antonio Inácio de Souza. O Belo Jardim encara o Central em seus domínios.

DRONE TVCRIATIVA: NINHO DO GAVIÃO

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

PORTO CONTA COM BOM RETROSPECTO PARA VENCER O BELO JARDIM

O Porto vai apostar no bom retrospecto para vencer o Belo Jardim nesta quarta-feira pela quarta rodada do Campeonato Pernambucano 2016. Em oito jogos realizados contra o Calango, o Porto jamais foi derrotado. Foram seis vitórias e dois empates do tricolor caruaruense. Para piorar a situação, Joelson deve está em campo nesta quarta-feira, o atacante vem se tornando um verdadeiro carrasco dos alviverdes. Joelson esteve presente nestes oito confrontos e balançou a rede nove vezes. O número poderia ser maior, se não fosse o pênalti perdido no último domingo.
O Porto tem cinco pontos e uma vitória deixará o gavião na liderança do Grupo A da competição.
Confira os números com a história do confronto:
PORTO 2X1 BELO JARDIM (2016) Joelson 1x
BELO JARDIM 2X3 PORTO (PE2013) Joelson 1x
BELO JARDIM 1X1 PORTO (PE2013) Joelson 1x
PORTO 0X0 BELO JARDIM (PE2013)
PORTO 2X0 BELO JARDIM (PE2012) Joelson 1x
BELO JARDIM 0X2 PORTO (PE2012) Joelson 2x
PORTO 4X1 BELO JARDIM (PE2007) Joelson 2x
BELO JARDIM 1X2 PORTO (PE2007) Joelson 1x

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

PORTO VENCE O BELO JARDIM NO RETORNO DE JOELSON

O Porto venceu o Belo Jardim por 2 a 1 na tarde deste domingo no Estádio Antônio Inácio de Souza. O jogo foi válido pela terceira rodada do Campeonato Pernambucano 2016. A partida que marcou o retorno do atacante Joelson, deixou o Gavião na liderança do Grupo A, ao lado do Atlético com cinco pontos. O Belo Jardim segue na lanterna com apenas um ponto.

Com Joelson começando o jogo no bando de reservas, as duas equipes apresentaram um futebol fraco tecnicamente. As chance de gols foram poucas para os dois lados e o placar terminou sem modificação.

No segundo tempo o panorama mudou. Precisando do resultado positivo, as duas equipes passaram a buscar o ataque. Aos 14, Bagagem fez boa jogada pela direita e rolou para Raniel escorar para o fundo do gol. 1 a 0 Belo jardim.

O Porto não se intimidou. Dois minutos depois, Mardley foi a linha de fundo e cruzou na área, a bola desviou em Lineker e acabou engnando o goleiro Caio. 1 a 1.

O gol empolgou o Porto, que passou a dominar o jogo e a cada minuto que se passava, ficava mais próximo do segundo gol. Aos 25, Mardley lançou Joelson, o atacante invadiu a área, driblou o goleiro e quase sem ângulo virou o placar para o Porto. Foi o 52º do atacante com a camisa do Gavião.

O Porto continuou criando boas chances, mas a falta cobrada por Ed atingiu a trave de Caio. Joelson foi derrubado por Caio dentro da área, pênalti que o próprio atacante cobrou para defesa do goleiro do Calango.

No final, os visitantes por pouco não empataram, a essa altura o Porto já jogava com um homem a menos, após a expulsão de Mardley, mas a bola acabou atingindo o travessão de Evandrízio.

Porto e Belo Jardim voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira às 20h30, a partida será disputada dessa vez no Sesc Mendonção, em Belo Jardim

MELHORES MOMENTOS: PORTO 2X1 BELO JARDIM

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

PORTO EMPATA COM ATLÉTICO EM CARPINA

O Porto segue sem vencer no Campeonato Pernambucano. Jogando no Estádio Paulo Petribu nesta quarta-feira, o Gavião empatou com o Atlético-PE em 1 a 1 e agora soma dois pontos em duas rodadas da competição, mesma pontuação dos atleticanos.
Os gols sairam no primeiro . Ed marcou para o Porto aos 19 minutos e Djalma empatou para o Atlético aos 24. O Central lidera o Grupo A com quatro pontos, seguido por Porto e Atlético com dois e Belo Jardim com apenas um ponto. Na próxima rodada o Gavião encara o Belo Jardim em  e o Atlético pega o Central em Carpina. 

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

domingo, 10 de janeiro de 2016

MELHORES MOMENTOS: PORTO 0X0 CENTRAL

PORTO E CENTRAL EMPATAM SEM GOLS EM TARDE DE EVANDRÍZIO

Porto e Central empataram sem gols na abertura do campeonato Pernambucano 2016. O aconteceu^neste domingo no Estádio Antônio Inácio de Souza em Caruaru. Destaque para a atuação do goleiro Evandrízio que fez grandes defesas e chegou a defender até pênalti.
Embora o partida tenha terminado sem gols, o jogo foi de grandes emoções para os dois lados. O bom público que compareceu ao campo, viu as duas equipes buscando o ataque o  todo, embora o Central fosse mais objetivo. A primeira chance da Patativa veio logo aos três minutos, Candinho recebeu em posição legal, invadiu a área, mas demorou para definir, sendo desarmado na última hora por Geninho. 

O Central seguiu no ataque, procurando a melhor forma de entrar na defesa adversária, mas as tentativas alvinegras sempre paravam na linha de impedimento realizada pela defesa do Porto. 
Aos 12, Fabinho penetrou pela direita e disparou uma bomba, Evandrízio começava a aparecer como o nome do jogo numa grande defesa. O Porto chegou com perigo aos 16, Joelton chutou de longe, Juninho deu rebote e Mardley, dentro da pequena área perdeu um  incrível. Aos 27 foi a vez de Matheus Araripina, o centroavante recebeu de Edy dentro da área, mas errou na finalização.
A resposta do Central veio em três lances. No primeiro, Roni recebeu na área, livre de marcação, mas a finalização acabou nas mão do goleiro do Porto. Em seguida, Fabinho chutou forte para mais uma defesa do arqueiro do Gavião. Para finalizar, Fagner perdeu outra boa oportunidade numa cabeçada na pequena área. 
O Porto respirou ainda na etapa inicial, mas as bolas de Mardley e Erickys foram para a linha de fundo.
A etapa inicial apresentou uma queda no rendimento das duas equipes. Embora o Porto exercesse certo domínio, faltava poder de  para o Gavião concretizar as jogadas construídas. A entrada de Luquinha foi fundamental para o domínio do Gavião, embora as chances claras, para os doi lados fossem raras.
Somente aos 28 veio o lance capital do jogo. Numa saída errada do meio campo do Porto, a bola sobrou para Candinho, que foi derrubado na entrada da área por Geninho. Pênalti duvidoso que o árbitro acabou marcando e cartão vermelho para Geninho. Wallison cobrou e Evandrízio fez grande defesa, se tornando o herói do jogo para o Porto.
O jogo seguiu tenso até o final e sem grandes emoções o placar terminou mesmo em 0 a 0

RESUMÃO DA PRIMEIRA RODADA

O Campeonato Pernambucano 2016 começa neste domingo com quatro jogos. Nesta primeira fase serão oito equipes divididas em dois grupos de quatro, que jogam em jogos de ida e volta com apenas o primeiro colocado da cada grupo avançando para a segunda fase, quando se juntarão a Sport, Santa Cruz e Salgueiro (que disputarão a Copa Nordeste) e o Náutico (que está na Série B do Brasileiro e não pode jogar esta fase).

O site da TV Criativa estará acompanhando Porto x Central e Belo Jardim x Atlético a partir das 15h com o pré-jogo. A partir das 16h o internauta fica apenas com o áudio da partida e a noite tem os melhores momentos, aqui no blog e no portal da tv. 

O Grupo A é formado por Central, Porto, Belo Jardim e Atlético. O Grupo B tem Vitória, Serra Talhada, Pesqueira e América.

Confira os jogos da primeira rodada:

PORTO X CENTRAL (Estádio Antônio Inácio de Souza)
O Grupo A abre com o clássico caruaruense logo na primeira rodada, o jogo será realizado no Estádio Antônio Inácio de Souza, que passou por reforma para receber os jogo do Gavião neste estadual. O Porto, como faz todos os anos, vai apostar na meninada. O time, que será comandado pelo experiente Pedro Manta (que estava do Afogados), tem como destaque os zagueiro Alisson e Charleston, além do jovem atacante Marlon, que retorna após disputar a Copa São Paulo. Já o Central contratou o técnico Flávio Barros e praticamente um novo time para a disputa, apenas o goleiro Juninho e o atacante Candinho são remanescentes do ano passado. O grande destaque nas contratações alvinegras foi o atacante Araújo, que retorna ao futebol de Caruaru após passagens por grandes equipes do futebol brasileiro.
BELO JARDIM X ATLÉTICO (Estádio Sesc Mendonção)
Campeão do Pernambucano da Série A2, o Belo Jardim manteve o treinador Luciano Veloso e trouxe alguns reforços como o volante Evandro, o lateral esquerso Jackson e o meia Danilo Quipapá. Para o presidente do clube, Franklin Maciel, o trabalho é para que o clube não caia e se mantenha na Série A do Pernambucano. “Estamos trabalhando para não cair. Queremos fazer um campeonato com os pés no chão, queremos conquistar uma classificação muito boa no Pernambucano. Não vamos concorrer ao título, mas a nossa intenção maior é chegar ao Hexagonal. Vamos brigar para ser o primeiro da chave. Temos condição para brigar pau a pau com eles”, declarou.
O Atlético trouxe o treinador Paulo Porto do Rio Grande do Sul para comandar a equipe. O Atlético manteve a base do ano passado. Os destaques são o goleiro Celso, o zagueiro Vandinho, os meias Rosembrick e Tarcísio. O time está acertando com o meia Daniel vindo do Santa Cruz de Alagoas e ainda fechando os acertos finais com o jogador Ceará.
AMÉRICA X PESQUEIRA (Estádio Ademir Cunha)
Vice-campeão Pernambucano Sub-20, o América vai apostar nessa base para se dá bem nesta primeira fase da competição. O goleiro Delone e os atacantes Cezinha e Jackson darão experiência ao grupo, junto com os contratados Alex Gaibu e Thiago LaranjeiraO experiente técnico Charles Muniz será o comandante do Mequinha nessa missão. A partida será disputada no estádio Ademir Cunha de portões fechado por causa da Falta de Laudos Técnicos .
O Pesqueira tem como técnico Cleibson Ferreira, com passagens por clubes como Araripina, Vera Cruz, Náutico, Corinthians-RN, Crac-MT, Afogados da Ingazeira e América-PE. O time teve pouco tempo para se preparar, se apresentou com 28 jogadores e nesta semana dispensou sete. Destaque para o volante Dácio e o atacante Bebeto.
VITÓRIA X SERRA TALHADA  (Estádio Carneirão)
O vitória manteve o técnico Laelson Lima para o Estadual deste ano e contratou o goleiro Rodrigo Carvalho, ex-Porto, Náutico e com passagem pelo próprio Vitória. O time base que vem treinando é o seguinte: Rodrigo Carvalho, Caio, David, Cláudio, Pablo, Éverton, Diego, Índio, Flávio, Jefferson Baiano e William.

O Serra Talhada ficou entre os finalistas do Pernambucano do ano passado e larga como favorito para repetir o feito este ano. O time tem como comandante Alexandre Lima e tem jogadores bem rodados pelo futebol, pernambucano como o lateral esquerdo Jaime, os meias Felipe Araripina, Mizael, Thiago Mexirica, além dos atacantes Caixito e Thomas Anderson. O time realizou dois amistosos contra o Icasa e empatou ambom em 1 a 1. 

sábado, 9 de janeiro de 2016

PORTO TENTA QUEBRAR TABU DIANTE DO CENTRAL

Porto e Central realizam neste domingo o clássico 54º clássico da história. Se nos anos de 1990 o Porto fazia o Central de freguês, a história começou a mudar nesta década, com a Patativa emplacando 11 jogos sem perder para o rival. Números que deram ao Central uma larga vantagem no histórico de confrontos entre as duas equipes: 24 vitória centralinas contra 16 do Gavião do Agreste. 

CONFRONTOS ENTRE PORTO E CENTRAL

1- CENTRAL 2X0 PORTO (PE94)
2- PORTO 0X4 CENTRAL (PE94)
3- CENTRAL 1X0 PORTO (PE94)
4- CENTRAL 0X3 PORTO (PE95)
5- PORTO 3X2 CENTRAL (PE95)
6- CENTRAL 2X2 PORTO (PE95)
7- PORTO 1X0 CENTRAL (PE95)
8- PORTO 1X1 CENTRAL (PE96)
9- CENTRAL 3X2 PORTO (PE96)
10- PORTO 1X1 CENTRAL (PE96)
11- PORTO 2X1 CENTRAL (PE97)
12- PORTO 0X0 CENTRAL (PE97)
13- PORTO 3X2 CENTRAL (PE97)
14- PORTO 2X0 CENTRAL (PE98)
15- CENTRAL 0X1 PORTO (PE98)
16- PORTO 1X1 CENTRAL (PE00)
17- CENTRAL 0X1 PORTO (PE00)
18- PORTO 2X1 CENTRAL (PE00)
19- CENTRAL 1X1 PORTO (PE00)
20- PORTO 0X1 CENTRAL (BR00)
21- CENTRAL 0X0 PORTO (BR00)
22- PORTO 0X1 CENTRAL (PE01)
23- CENTRAL 0X2 PORTO (PE01)
24- PORTO 2X1 CENTRAL (PE01)
25- CENTRAL 2X0 PORTO (PE01)
26- CENTRAL 2X1 PORTO (Copa Jarbas Vasconcelos 02)
27- PORTO 0X0 CENTRAL (PE02)
28- CENTRAL 0X0 PORTO (PE02)
29- PORTO 2X1 CENTRAL (PE04)
30- CENTRAL 3X0 PORTO (PE04)
31- PORTO 1X1 CENTRAL (PE06)
32- CENTRAL 1X0 PORTO (PE06)
33- PORTO 2X0 CENTRAL (PE07)
34- CENTRAL 1X0 PORTO (PE07)
35- CENTRAL 1X1 PORTO (PE08)
36- PORTO 0X1 CENTRAL (PE08)
37- CENTRAL 2X3 PORTO (PE09)
38- PORTO 2X1 CENTRAL (PE09)
39- PORTO 0X1 CENTRAL (PE10)
40- CENTRAL 2X0 PORTO (PE10)
41- PORTO 2X3 CENTRAL (PE11)
42- CENTRAL 0X4 PORTO (PE11)
43- CENTRAL 4X0 PORTO (PE12)
44- PORTO 0X0 CENTRAL (PE12)
45- PORTO 0X4 CENTRAL (PE13)
46- CENTRAL 3X0 PORTO (PE13)
47- PORTO 0X3 CENTRAL (PE13)
48- PORTO 1X1 CENTRAL (PE14)
49- CENTRAL 1X0 PORTO (PE14)
50- CENTRAL 2X1 PORTO (PE14)
51- PORTO OX5 CENTRAL (PE14) 
52- CENTRAL 4X1 PORTO (PE15)
53- PORTO 1X3 CENTRAL (PE15)

CENTRAL 24 VITÓRIAS
PORTO 16 VITÓRIAS
EMPATES: 13

GOLS DO CENTRAL: 77
GOLS DO PORTO: 52

Maior sequencia sem derrotas do Porto: 10 jogos entre 1996 e 2000
Maior sequencia sem derrotas do Central: 11 jogos entre 2012 até hoje.

Abaixo a última vitória do Porto em 2011 e a resposta do Central no ano seguinte. 


sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Estádio Antônio Inácio recebe últimos ajustes para abertura do PE2016



O Estádio Antônio Inácio de Souza está recebendo os últimos ajustes para a abertura do Campeonato Pernambucano 2016. O estádio será a  do Porto na competição e recebe o clássico caruaruense entre Porto e Central neste domingo a partir das 16h.
O estádio foi reformado, recebendo pintura das arquibancadas nas cores do Tricolor do Agreste e teve o gramado também recuperado pela direção do Gavião. O Porto realizou treinamentos para reconhecimento e adaptação do campo nesta quinta e sexta-feira. 
Especulava-se que a partida fosse transferida para às 15h, como queria a direção do Porto. A medida seria tomada porque a iluminação do Antônio Inácio ainda requer alguns ajustes, mas segundo informações, há condições de .
Os ingressos para Porto e Central serão vendidos ao preço de R$ 20,00 (arquibancada) e R$ 10,00 (estudantes).

Porto e Central fazem o primeiro clássico do Pernambucano A1

O Pernambucano 2016 tem início neste domingo (10) com quatro jogos, válidos pela primeira rodada do primeiro turno. Entre eles, o clássico entre Porto x Central, às 16h, no Estádio Antônio Inácio, em Caruaru.
As equipes seguem se preparando para este confronto. A pré-temporada do Porto começou no dia 03 de dezembro. Já o Central começou os trabalhos no dia 01 do mesmo mês.
Com 33 dias de preparação para o início da competição, o técnico do Porto, Pedro Manta, pregou respeito ao adversário deste domingo, mas disse acreditar na vitória. “A expectativa é boa, fizemos uma boa pré-temporada, bem planejada. Sabemos que a competição é difícil, o Central é uma grande equipe e o grupo que a gente está é bem difícil, mas fizemos um bom trabalho e equipe evoluiu com os treinamentos”, disse.  
Durante esse período, o Porto fez dois amistosos contra o CSA e o Vitória, respectivamente. O Gavião do Agreste perdeu a primeira partida, por 2 x 1, e venceu a segunda contra o time de Vitória de Santo Antão, por 2 x 0.
Pedro Manta também falou que vem trabalhando a cabeça dos atletas para esses primeiros jogos. “A gente tem trabalhado, sabemos que o  é difícil e sabemos da qualidade do Central. Clássico é clássico, mas o Porto se preparou para isso, temos trabalhado o equilíbrio. Pedimos que o jogador jogue com inteligência, jogue posicionado. Trabalhamos a entrega do grupo no jogo e a importância de não perder a tranquilidade que são as armas importantes para brigar pela classificação”, declarou.
Segundo o técnico do Central, Flávio Barros, a pré-temporada não foi a desejada para o clube, porém apesar disso a expectativa para o jogo é uma das melhores. “Todo início existe aquela expectativa e esperança e se tratando de um clássico do interior a rivalidade é muito grande. Não era objetivo meu ficar nessa situação, pois não fiz uma pré-temporada do jeito que gostaria de fazer e o fator campo também atrapalhou, mas não podemos nos lamentar quanto a isso. Treinamos bem essa semana e a esperança é de fazer um grande trabalho, fazer o Central Forte”, disse.

Copa SP: Pernambuco tem saldo de quatro eliminados e apenas um classificado para a segunda fase

Pernambuco vai encerrando a primeira fase com saldo negativo na Copa São Paulo de . Mesmo com o maior torneio de base facilitando na primeira fase, com a classificação de duas equipes ao invés de uma, como na edições anteriores, apenas o Sport garantiu vaga na segunda fase.
O Leão conseguiu nove pontos num grupo que tinha Atlético-PR, Rio Branco e União ABC, três vitórias com 10 gols marcados e apenas um sofrido. Santa Cruz e Náutico também ficaram no início da jornada. O tricolores terminaram na  num grupo que tinha Vila Nova-GO, Mirassol e Penapolense. O Timbu caiu para Guarani, Paissandu e Mogi-Mirim. O Santa marcou dois pontos, o Náutico um.
Estreante na competição, o América precisava apenas de um empate para avançar para a segunda fase, mas acabou perdendo para o Confiança na última rodada e disse adeus à competição com três pontos. O Santos venceu a  com nove pontos e o Ferroviário-SP ficou na lanterna com um ponto.
Conhecido formador de jogadores, o Porto esteve perto da segunda fase, mas acabou perdendo a vaga para o Desportivo . O grupo tinha a Ponte Preta, que ficou em primeiro lugar com nove pontos e o Espigão-RO, lanterna sem pontuar.

Copa SP; Porto goleia Espigão e continua na briga

O Porto goleou o Espigão por 4 a 0 na tarde desta segunda-feira pela segunda rodada da Copa São Paulo de  Júnior. O resultado deixou o Gavião na terceira posição do Grupo 15 da competição com três pontos, mesma pontuação do Desportivo  que perdeu para a Preta por 2 a 1. A Ponte tem seis pontos e já está classificada, já Porto e Desportivo Brasil decidem a segunda vaga da  na próxima quarta-feira em confronto direto às 15h. O Desportivo joga por um empate já que tem melhor campanha. 

Porto estreia com derrota na Copa São Paulo

O Porto perdeu para a Ponte Preta por 2 a 0 na rodada de abertura da Copa São Paulo de  Júnior. O  aconteceu neste sábado na cidade de Porto Feliz. Os gols da partida foram marcados por Leonardo Cereja aos 37 do primeiro  e aos 35 da etapa final. A Ponte divide a liderança do Grupo 15 com o Desportivo , que venceu o Espigão por 4 a 0.
O Porto volta a campo nesta segunda-feira contra o Espigão, às 15h.
Pernambucanos: Vila Nova 0x1 Santa Cruz, Atlético-PR 1x2 Sport, Ferroviário 0x2 América e Náutico 0x0 Mogo-Mirim

sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

PORTO ESTREIA NESTE SÁBADO PELA COPA SÃO PAULO

Começa neste sábado a 47ª edição da Copa São Paulo de Futebol. Pernambuco será representado por cinco equipes: Porto, América, Sport, Santa Cruz e Náutico.

Neste ano a competição terá uma mudança significativa no formula de disputa, com duas equipes avançando em cada grupo da primeira fase.

O principal torneio de base do Brasil terá o número recorde de 112 equipes participantes e acontece do dia 2 a 25 de janeiro.

 Todas essas equipes serão distribuídas em 28 grupos com quatro times que se enfrentam classificando as duas melhores para a segunda fase. Nela, os 56 times se enfrentam em jogos eliminatórios, bem como na fase seguinte, quando sobrarão 14 equipes para a disputa das oitavas de final. Sete serão as equipes vencedoras dos confrontos e terão a companhia do time de melhor campanha entre os eliminados na fase anterior, totalizando oito agremiações para a disputa das quartas de final. 

Para este ano, terão condições de jogo atletas nascidos entre os anos de 1996 e 2000.

Representante de Caruaru, o Porto estreia neste sábado no Estádio Ernesto Rocco na cidade de Porto Feliz. O segundo jogo será na segunda-feira (2) contra o Espigão e o terceiro contra o Desportivo Brasil, todos os duelo acontecem às 15h.

Os outros representantes de Pernambuco na competição também estreiam neste sábado: o Sport encara o Atlético-PR às 18h, mesmo horário de Santa Cruz x Vila Nova. O Náutico enfrenta o Mogi-Mirim às 16h e o América pega o Ferroviário às 8h da manhã.

Esporte Criativo Retrospectiva de Central e Porto