Seguidores

domingo, 31 de janeiro de 2010

SEGUNDA VITÓRIA DA ERA CHARLES MUNIZ


Num primeiro tempo inspirado, o Porto não tomou conhecimento do Santa Cruz e venceu o jogo por 3x1, em partida valida pela sexta rodada do Pernambucano 2010.
O jogo começou morno, com a equipe coral procurando valorizar a posse de bola, o Porto bem posicionado na defesa conseguia conter as poucas investidas do Santa Cruz.
Aos 17, o Porto abriu o placar com Arlindo de cabeça aproveitando um cruzamento de Fabian.
O gol deu moral ao Gavião que ampliou aos 19, João Carlos recebeu na direita e cruzou com perfeição na cabeça de Fabian fazer 2x0.
Aos 26, Fabian aproveitou a falha da defesa do Santa Cruz e fez terceiro.
O segundo tempo começou igual ao primeiro, o Santa valorizava a posse de bola, mas não levava perigo ao gol do Porto, aos 10 Joelson acertou uma bicicleta, mas bola passou sem perigo ao gol de Romero.
Aos 12 minutos, Charles Muniz tirou Fabian e entrou com Rogério. A mudança deu mais velocidade ao ataque do Porto que explorava bem os contra-ataques chegando duas vezes com perigo, a primeira com Oziel e depois com Rodolfo Potiguar.
Aos 21, o Santa levou perigo pela primeira vez ao gol de Romero, Gaucho recebeu um cruzamento da direita e mandou pra fora.
O Porto quase amplia aos 27. João Carlos recebeu a bola na direita, deu um drible desconcertante em Gilberto Matuto e cruzou pra Paulista carimbar a trave.
Aos 36, o Santa esboçou uma reação depois que Oziel cometeu pênalti. Elvis converteu com categoria.
No final do jogo, o Santa ainda tentou pressionar, mas quem levava perigo era o Porto no contra-ataques. Aos 40, Paulista arrancou pela direita e mandou pra Naldinho dentro da área, o defensor do Santa quase faz gol contra.
Aos 41, Rogério dominou dentro da área e chutou forte para defesa do goleiro Coral.
Com essa vitória, o Gavião soma sete pontos na oitava posição. O Porto volta a jogar próxima quarta-feira conta o Sete de Setembro no Gigante do Agreste em Garanhuns.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

MELHORES MOMENTOS: PORTO 1X0 ARARIPINA

Mais um video da TV Criativa Caruaru, confira os melhores momentos dos jogos do Porto e acompanhe os jogos e noticias do Campeonato Caruaruense Série B no portal www.tvcriativa.com

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

FICHA DO JOGO

PORTO 1X0 ARARIPINA
LOCAL Lacerdão(Caruaru)
DATA 27/01/2010
ÁRBITRO Sebastião Rufino Filho
ASSISTENTES Alcides Lira e Marcelino Castro
GOL Rogério aos 13 do segundo tempo
CARTÕES AMARELOS Porto: Oziel e Cleiton. Araripina: Pericles, Marcelo Paraíba e Zaquel.
PUBLICO 3.925
RENDA R$ 21.525,00
PORTO
Romero, João Carlos, Gonçalves, Romero Souza e Airton. Cosme, Rodolfo Potiguar, Naldinho e Cleiton(Cleiton), Fabian(Evandro) e Paulista(Rogério). Técnico: Charles Muniz.
ARARIPINA
Danilo, Edu Matos(Romário), Regis e Marcio. Zaquel(Diego Neves), Felipe Araripina, Fernandes e Pericles e Neto. Jessuí e Marcelo Paraíba(Dunga).

FICHA DO JOGO

VITÓRIA 3X1 PORTO
LOCAL Carneirão(Vitória de Santo Antão)
DATA 24/01/2010
ÁRBITRO Neilson Santos
ASSISTENTES Pedro Wanderley e Roberto José
GOLS Rodolfo Potiguar aos 18 e Clóvis(penalti) aos 23 do primeiro tempo. Bruno Garcia aos 30 e 46 do segundo.
CARTÕES AMARELOS Porto: Anderson, Airton, Rodolfo Potiguar e Kiros. Vitória: Suelinton, Neilson, Clóvis, Daniel Carlos e Léo.
PUBLICO 3.253
RENDA R$ 18.822,50
VITÓRIA
Rodrigo Carvalho, Daniel Carlos, Suelinton, Alexandre Aguiar e Alex Rava. Tuta, Neilson(Léo), Cleber Monteiro e Clóvis(Serginho). Eduardinho(Bruno Garcia) e Aguimeron. Técnico: Júnior Caruaru.
PORTO
Romero, João Carlos, Gonçalves, Anderson e Airton(Oziel). Cosme, Rodolfo Potiguar(Daniel Caiçara), Naldinho e Cleiton(Fabian). Paulista e Kiros. Técnico: Luciano Ribeiro

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

CHARLES MUNIZ ESTRÉIA COM VITÓRIA

Na estréia de Charles Muniz, o Porto bateu o Araripina por 1x0 e venceu a primeira no Pernambucano 2010. O gol da vitória marcado por Rogério também ajudou o Porto a sair da zona de rebaixamento.
JOGO
O Gavião conseguiu chegar primeiro ao ataque do Araripina, com Oziel batendo falta aos sete minutos.
Aos nove, o zagueiro Edu Matos caiu no centro do gramado e foi retirado de ambulância após sofrer uma parada respiratória.
Após uma parada de três minutos para entrada da ambulância, o jogo continuou com poucas chances de gols para as duas equipes. O Araripina só levava perigo em bolas alçadas na área em cobranças de falta. Já pelo lado do Porto, apenas uma chance com Fabian aos 25 e outra com Paulista perdendo um gol incrível aos 26.
O Porto voltou para o segundo tempo com Rogério fazendo sua reestréia no lugar de Paulista. E só foi preciso 13 minutos para o artilheiro balançar as redes. Após passe de Fabian um chute sem chances no ângulo de Danilo.
Perdendo o jogo, o Araripina saiu para o ataque abrindo espaço para o Porto contra-atacar. Com Fabian organizando as jogadas e a velocidade de Rogério, o Porto levava perigo ao gol do adversário. Aos 23 numa jogada rápida, Fabian foi a linha de fundo e tocou pra trás para Cleiton desperdiçar uma boa chance.
A partir dos 30, o time sertanejo pressionava e não dava espaço para o Porto encaixar os contra-ataques. Aos 39, Neto chutou com perigo.
O Porto poderia ter matado o jogo aos 42, Rogério escapou pela esquerda e encontrou João Carlos sozinho dentro da área, que pegou de primeira e mandou pra fora.
O time sertanejo ainda tentou pressionar no final, mas o Porto conseguiu segurar sua primeira vitoria na competição.

DE TÉCNICO NOVO, GAVIÃO PEGA BODE

JORNAL DO COMMERCIO
Motivado pela estreia do técnico Charles Muniz no comando da equipe, o lanterna Porto recebe o Araripina, hoje, às 20h30, no estádio Luiz Lacerda, em Caruaru, Agreste do Estado. As duas equipes buscam a recuperação no Campeonato Pernambucano, já que perderam na rodada do último final de semana (o Gavião caiu ante o Vitória, de virada, por 3x1, enquanto o Bode do Sertão, mesmo jogando em casa, frustrou seu torcedor ao ser derrotado por 1x0 pela Cabense).
Charles Muniz tem duas dúvidas em relação ao time que mandará a campo. Sem poder contar com o lateral-esquerdo Airton, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Oziel e Arlindo brigam pela posição. No ataque, quem está fora é Kiros, que também cumprirá suspensão automática contra o Vitória. Fabian e Daniel Caiçara brigam pela vaga.
No Araripina, o técnico Williams Rodrigues pode optar tanto pelo esquema 3-5-2 como pelo 4-4-2. A tendência é começar com três zagueiros. Caso confirme o tradicional 4-4-2, o zagueiro Márcio sai para a entrada do meia Dunga. “Perder em casa na última rodada não estava nos nossos planos. Teremos que nos recuperar em cima do Porto”, avisa o comandante

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

PORTO DE NOVO TREINADOR

Depois da derrota de ontem para o Vitória, o tecnico Luciano Ribeiro acabou sendo demitido. Luciano comandou a equipe profissional por 4 jogos, sendo três derrotas e um empate. O Porto de Luciano marcou 6 gols e levou 11, de longe, a pior defesa competição.
Quem assume o comando tecnico do Gavião é Charles Muniz, que já teve passagem por Nautico e Santa Cruz. O novo treinador do Porto já foi apresentado ao elenco e comanda os treinamentos amanhã onde vai preparar a equipe para o jogo desta quarta-feia contra o Araripina.

domingo, 24 de janeiro de 2010

PORTO DE LUCIANO EM MAIS UMA DERROTA



O Porto perdeu mais um jogo pelo campeonato Pernambucano neste domingo. Jogando em Vitória de Santo Antão o Gavião não soube tirar proveito de sair na frente do placar e perdeu para os donos da casa pelo placar de 3x1. Com essa derrota o Porto continua da lanterna da competição com apenas um ponto.
Jogando dentro de casa, o Vitória tentava pressionar o Porto logo no começo da partida. Aos 3 minutos de jogo, Alexandre Aguiar chutou com perigo para defesa de Romero.
Depois da pressão inicial o Porto foi conseguindo sair para o jogo, principalmente com Cleiton que organizava as principais jogadas de ataque. Aos 7, Kiros fez uma boa jogada dentro da área e tocou para Naldinho que chutou fraco para defesa do goleiro.
Aos 8, Paulista recebeu na área e de cara pro gol perdeu uma grande chance chutando em cima do goleiro. O Porto abriu o placar aos 18 minutos, Rodolfo chutou de fora da área e fez golaço no ângulo do goleiro do Vitória.
Aos 21, Suelinton foi derrubado na área, pênalti para o Vitória convertido por Clóvis.
O gol deu confiança ao Vitória que pressionava e impedia as principais ações ofensivas do adversário.
Aos 33, Neilson fez boa jogada tirou de Romero e Gonçalves salvou em cima da linha.
O Porto só conseguiu chegar aos 39 com Kiros, depois de uma boa jogada dentro da área, ele chutou forte para defesa de Rodrigo Carvalho.
O Porto voltou para o segundo tempo com a mesma formação e os mesmos problemas do primeiro tempo. Sendo pressionado pelo adversário, o Gavião tentava sair nos contra ataques e aos 7 minutos Paulista desperdiçou outra boa chance cara a cara com o goleiro.
O que se viu depois foi um jogo fraco tecnicamente, o Vitória tropeçava nos próprios erros e o Porto sem coragem pra vencer o jogo atrasava a partida. O técnico Luciano Ribeiro insistia com a ineficiência de Kiros e o sumiço de Cleiton da partida, até que aos 30 minutos depois de uma falha de Airton, o Vitória fez uma linha de passe na área do Gavião e Bruno Garcia fez 2x1.
Depois do gol Luciano Ribeiro tentou mudar alguma coisa fazendo as alterações de sempre, Fabian e Daniel Caiçara entraram nos lugares de Cleiton e Paulista, além de Oziel que entrou na vaga de Airton machucado.
O resultado foi uma pressão, mas sem levar perigo de fato ao gol do Vitória. O Vitória soube aproveitar o desespero do Gavião chegando aos 43 com Cleber Monteiro, aos 44 com Paulinho, e finalmente aos 46 com Bruno Garcia ampliando para 3x1 e dando números finais ao jogo.
Próxima quarta, o Porto volta a campo contra o Araripina no José Luís Lacerda as 20h30.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

ATACANTE ROGÉRIO REFORÇA O PORTO

O Porto anunciou Rogério como reforço para o Campeonato Pernambucano. O atacante que defendeu o Porto em 2008 e 2009 estava no Figueirense e vem para ajudar a tirar o Gavião da laterna da competição. A previsão é que Rogério faça sua estréia próxima semana, faltando apenas a liberação por parte da Federação Catarinense de Futebol. Em 2008, seu ano de estréia como profissional, Rogério fez 5 jogos sem marcar gols. Já em 2009, o atacantE fez 18 jogos marcando 5 gols pelo pernambucano.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

FICHA DO JOGO


SPORT 3X1 PORTO
Local: Ilha do Retiro.
Árbitro: Niélson Nogueira.
Assistentes: Ubirajara Ferraz e Albert Júnior.
Renda: R$ 87.268.
Público: 19.053.
Gols: Paulista, a 1 minuto, Wilson, aos 6, Nadson, aos 46 do 1º tempo, Ciro, aos 47 minutos do 2º.
Cartões amarelos: César, Gonçalves, Anderson, Airton e Kyros.
Sport
Magrão; Igor (Juliano), César e Montoya; Júlio César, Zé Antônio, Eduardo Ramos, Ricardinho (Isael) e Dutra; Nadson (Ciro) e Wilson. Técnico: Givanildo Oliveira.
Porto
Romero; João Carlos, Gonçalves, Anderson (Oziel) e Airton; Cosme, Rodolfo Potiguar (Evandro), Naldinho e Clayton (Fabian); Paulista e Kyros. Técnico: Luciano Ribeiro.

PORTO PERDE PARA SPORT

Apesar do susto no início da partida, o Sport venceu o Porto por 3 a 1, de virada, na noite desta quarta-feira (20), na Ilha do Retiro. Num lance estranho, quando Zé Antônio e Igor se chocaram, o Gavião aproveitou para abrir o placar logo no primeiro minuto de jogo. Mas, o Leão reagiu e conseguiu manter os 100% de aproveitamento e a liderança do Campeonato Pernambucano com gols de Wilson, Nádson e Ciro.

As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (24). O Sport enfrenta o Central, em Caruaru. Enquanto o Porto pega o Vitória, no Estádio Carneirão, em Vitória de Santo Antão.

O JOGO
A partida começou com um gol relâmpago para o Porto. Logo no primeiro minuto, Zé Antônio e Igor se chocam na entrada da área e a bola acaba sobrando livre para o atacante Paulista bater na saída do goleiro Magrão e abrir o placar na Ilha do Retiro.

Mas a resposta leonina veio rapidamente. Aos 5 minutos, o meio-campo Eduardo Ramos cruzou para Wilson, na área, tocar por baixo do goleiro Romero para empatar a partida. O atacante do Sport chegou a três gols no Pernambucano.

A virada do Sport veio aos 46 minutos do primeiro tempo. Numa troca de função, o atacante Kyros, que ajudava a defesa do Porto, acabou derrubando o zagueiro César dentro da área. O árbitro Niélson Nogueira apontou o pênalti. Wilson deixou a cobrança para o companheiro de ataque Nádson, que não decepcionou e marcou o seu primeiro gol com a camisa rubro-negra.

No segundo tempo, o técnico Givanildo Oliveira fez duas alterações. Ricardinho deixou o campo para se preservar, já que foi dúvida para a partida por conta de uma entorse no tornozelo, para a entrada de Izael. O atacante Nadson também deixou o campo para a entrada de Ciro.

O técnico Luciano Ribeiro também fez duas mudanças. Ele tirou Cleiton e Rodolfo Potiguar e colocou Fabian e Evandro. Perto do final do jogo, Givanildo ainda colocou Juliano no lugar de Igor, que deixou o campo sentindo a pancada sofrida ainda no início da partida.

Nos acréscimos, o Sport ainda teve força para marcar o terceiro gol com Ciro. O atacante rubro-negro recebeu de Izael, na área, fez o giro e bateu para fechar o placar na Ilha do Retiro.

MELHORES MOMENTOS: PORTO 2X2 VERA CRUZ




Após o empate com o Vera Cruz. O sinal de alerta está ligado no Ninho do Gavião. Com dois jogos difíceis pela frente (Sport na Ilha e Vitória no Carneirão), o trabalho de Luciano Ribeiro pode ser questionado caso os resultados positivos não apareçam nos próximos jogos. Para Ribeiro, o Porto jogou bem contra o Vera Cruz, mas pecou nas finalizações. Ele disse está satisfeito com a evolução do time no campeonato e acredita fazer um grande jogo contra o Sport.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

FICHA DO JOGO


PORTO 2X2 VERA CRUZ
DATA 17/01/2010
LOCAL José Luís Lacerda(Caruaru)
ÁRBITRO Gleydson Leite
ASSISRENTES Elan Vieira e Paulo Stefanello
GOLS Naldinho aos 13, Everton aos 23 e Alcimar aos 26 e Kiros aos 29 do primeiro tempo.
CARTÕES AMARELOS Cleiton(P), Negretti(V) e Kaká(V).
PUBLICO 2.812
RENDA R$ 15.550,00
PORTO
Romero, João Carlos, Anderson, Gonçalves e Airton(Oziel). Cosme, Rodolfo Potiguar, Naldinho e Cleiton(Fabian). Paulista(Daniel Caiçara) e Kiros. Tecnico: Luciano Ribeiro.
VERA CRUZ
Gideão, Ricardo(Kaká), Joecio, Aldemir e Everton. Negretti, Gideon, Mizael e Alcimar(Gilberto). Claudio e Rafinha(Rodrigo). Tecnico: Peu Santos.

domingo, 17 de janeiro de 2010

PORTO ESTRÉIA DENTRO DE CASA COM EMPATE

Numa tarde nublada na capital do agreste, o Porto empatou com o Vera Cruz em 2x2 e segue sem vencer no campeonato Pernambucano. Abusando de erros na defesa, situação do Gavião preocupa já que terá dois jogos difíceis pela frente( Sport e Vitória fora de casa).
O Vera Cruz começou o jogo marcando a saída de bola do Gavião que tinha muita dificuldade em sair pro jogo. O time de vitoria comandava as ações e teve duas chances de abrir o placar com Claudio e Gideon. O Porto só foi passar do meio campo aos 5 minutos de jogo, num contra-ataque perigoso, Cleiton chutou com perigo a esquerda do goleiro do Vera Cruz.
Enquanto o Vera Cruz pressionava, o Porto procurava sair nos contra-ataques, e aos 13 minutos, Naldinho fez boa jogada e entrou livre na área para abrir o placar, 1x0 Porto.
O Vera Cruz continuava mandando na partida, e não ia demorar muito para virar o jogo. Aos 23, Everton chutou, a bola desviou em Anderson e tirou Romero da jogada, 1x1.
Aos 26, em nova falha da defesa, Joecio chutou forte, a bola sobrou nos pés de Alcimar que só teve o trabalho de empurrar pra dentro do gol de Romero.
Com desvantagem no placar, o Porto resolveu sair pro jogo, e teve seu melhor momento na partida. Aos 29 Kiros empatou depois de uma cobrança de escanteio.
O gol animou o Porto que foi pra cima e perdeu varias chances de gols com Kiros, aos 30 e 31 minutos.
O Vera Cruz só iria chegar aos 38 com Cláudio, perdendo uma boa chance de cabeça.
O segundo tempo começou sem nenhuma alteração nas duas equipes, o Vera Cruz continuava comandando as ações e quase desempata com Rafinha aos 3 e Alcimar aos 7, nas duas vezes Romero salvou o Gavião. O Porto só foi chegar aos 10 minutos com João Carlos num chute perigoso.
Precisando vencer o técnico Luciano Ribeiro fez duas alterações aos 20 minutos. Ele tirou Paulista e Cleiton que estavam bem na partida, para entrada de Daniel Caiçara e Fabian. As alterações não surtiram efeito no Gavião que chegava no ataque de maneira desorganizada e sem qualidade, insistindo com Kiros que não fazia um bom segundo tempo.
A melhor chance do Porto foi com Fabian aos 31 cabeceando uma bola na trave.
Com esse resultado o Vera Cruz soma 4 pontos e ocupa a quarta posição. O Porto com apenas 1 ponto na nona posição volta a jogar próxima quarta com o Sport na Ilha do Retiro.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

FICHA DO JOGO

SALGUEIRO 3X2 PORTO
DATA 13/01/2010
LOCAL Cornélio de Barros (Salgueiro)
ÁRBITRO Emerson Sobral
ASSISTENTES Roberto José e Charles Rosas
GOLS Salgueiro:Tiago, França e Gilson Costa. Porto: Naldinho e Cleiton(penalti)
CARTÕES AMARELOS Salgueiro: Nildo Petrolina, Moisés e Moreilandia. Porto: Naldinho, Airton, Cleiton, Oziel e Kiros.
EXPULSÃO Romero.
PUBLICO 3900
RENDA R$ 21.450,00
SALGUEIRO
Dias, Rogério, Henrique, Eridon(Moisés) e Nildo Petrolina. Moreilandia, Renato Frota(Vitor Caicó), Tiago e Heider(Algodão). Gilson Costa e França. Tecnico: Paulo Júnior.
PORTO
Romero, Gonçalves, Rodolfo Aguiar e Romero Caruaru. Paulista, Cosme, Naldinho, Cleiton(Anderson Rodrigo), Arlindo(Rodolfo Potiguar) e Airton(Oziel). Kyros. Tecnico: Luciano Ribeiro.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

PORTO PERDE NA ESTRÉIA

Jogando em casa e contando com o apoio de mais de quatro mil torcedores, o Salgueiro somou seus primeiros três pontos no Campeonato Pernambucano ao bater o Porto por 3x2, ontem à noite, no Estádio Cornélio de Barros, no Sertão do Estado. Por ter sido o único clube a ter marcado três gols na rodada inaugural, o Carcará lidera a competição.
A vitória do Salgueiro foi construída ainda no primeiro tempo, quando a equipe sertaneja abriu 3x0. O volante Thiago abriu o marcador logo aos 19 minutos. Três minutos depois foi a vez do atacante Heider ampliar. Aos 36 minutos, o artilheiro Gílson Costa fez o terceiro.
Com a ampla vantagem no marcador, o Salgueiro diminuiu o ritmo. Com isso o Porto, recheado de garotos, se aproveitou. Aos 45 minutos, Naldinho diminuiu.
A reação da equipe caruaruense continuou no segundo tempo. Aos 13 minutos, o árbitro Emerson Sobral marcou pênalti em favor do Gavião do Agreste. Com categoria, Cleyton converteu e tornou os minutos finais dramáticos no Cornélio de Barros.
No entanto, o ímpeto do Porto foi arrefecido aos 29 minutos, quando o zagueiro Romero Caruaru foi expulso direto (sem receber o cartão amarelo).
A partir daí, o Salgueiro passou a administrar o resultado e a primeira vitória no Pernambucano.
No próximo sábado, o Salgueiro enfrenta o Náutico, nos Aflitos. Já o Porto recebe, no domingo, o Vera Cruz, no Luiz Lacerda, em Caruaru.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

PORTO É O SEXTO EM RAKING


O pesquisador Carlos Celso Cordeiro, publicou a atualização do ranking histórico de pontos do Campeonato Pernambucano (1915-2009), o Porto continua na sexta colocação com 477 pontos, ainda muito distante do quinto colocado, o América que soma 1246. Não existindo surpresas em sua liderança, muito menos no abismo que separa os 3 grandes clubes da capital em relação aos representantes do interior.
Na lista composta por 63 clubes, aparecem com resultados separados clubes que mudaram de nome como Ferroviário (antes Great Western), Atlético Caruaru (antes Sport Caruaru) e Manchete (que também já foi chamado de Santo Amaro, Casa Caiada e Recife).São considerados clubes distintos o Destilaria em relação à Cabense, o Desportiva Vitória em relação à Desportiva Pitu e Acadêmica Vitória.Carlos Celso também chama a atenção para o detalhe do Coligação SR que apesar de 5 derrotas, aparece com 4 gols sofridos. Explica-se: algumas partidas o time perdeu por WO.Segue o Ranking (clique na imagem para ampliar):

domingo, 10 de janeiro de 2010

PORTO SE DESPEDE COM VITÓRIA

Pela terceira rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior, no grupo R, o Marília foi surpreendido pelo Porto-PE e perdeu por 2 a 1. O jogo aconteceu na tarde deste domingo, em Leme, no estádio Bruno Lazzarini. Esse resultado foi bom para o Bahia que venceu o Lemense por 4x1 e ficou com a primeira vaga do grupo R, o Marilia torce por uma das vagas no indice tecnico.

sábado, 9 de janeiro de 2010

PORTO PRONTO PARA A ESTRÉIA

O goleiro Romero diz que dá até para sonhar em ser campeão pernambucano. “Nossa equipe vai ser forte, vai dar trabalho, chegar ao quadrangular final e quem sabe ser campeão pernambucano”, afirma o jogador.

O Porto goleou nesta sexta-feira o Futgol da Paraíba por 7x0, encerrando os preparativos para estréia do Pernambucano 2010 próxima quarta-feira contra o Salgueiro no estádio Cornélio da Barros em Salgueiro.
Mesmo com o elenco quase todo formado nas categorias de base, o técnico Luciano Ribeiro aposta numa boa campanha do tricolor: "Apesar de jovem, o nosso plantel possui bastante qualidade. Então, buscaremos a classificação para a fase final da competição. Agora, se não alcançarmos a vaga para a semifinal, lutaremos pelo título do Troféu do Interior",afirmou Luciano.
Alem da mudança no regulamento, com as doze equipes se enfrentando em jogos de ida e volta, classificando as quatro melhores equipes para fase semifinal. Outra novidade promovida pela FPF será o troféu de campeão do interior. As equipes classificadas entre a 5ª e 8ª posição disputarão um quadrangular para disputar duas vagas na final pelo troféu. "É uma maneira de motivar os times do Interior. A gente sabe que é difícil um time de fora da capital ser campeão. Esse título vai servir de consolo para nós", disse o presidente do Salgueiro, José Guilherme.
Para o campeonato desse ano o Porto conta com o retorno de Daniel Caiçara, Cosme e Rodolfo que disputaram a Serie D pelo Central. Além do retorno do zagueiro Gonçalves que volta depois de uma temporada no Santa Cruz.
A grande novidade do Porto esse ano foi a contratação do goleiro Romero que teve boas passagens pelo Ypiranga.
Luciano Ribeiro aposta no esquema 3-6-1 na estréia contra o Salgueiro com Romero, Gonçalves, Rodolfo e Romero Caruaru. Paulista, Cosme, Naldinho, Clayton, Arlindo e Oziel(Airton) e kiros. O Porto ainda conta com o experiente atacante Fabian que deve fica no banco de reservas na estréia.

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

PORTO DECEPCIONA NOVAMENTE NA COPINHA

Jogando com um homem a mais durante quase toda partida, o Gavião nao conseguiu passar pelo Lemense.

Em Leme, pelo Grupo R da Copa São Paulo, Lemense e Porto-PE empataram por 2 a 2 e somaram o primeiro ponto na competição. Na outra partida do dia, o Marilia venceu o Bahia por 1x0. As partidas aconteceram nesta quinta-feira, no estádio Bruno Lazzarini.
Na primeira partida do dia, em um jogo bem disputado o Gavião abriu o placar, aos 28 minutos, do primeiro tempo com David. A equipe da casa virou o jogo na etapa final com Danilão marcando duas vezes, aos 10 minutos e aos 34. Mas com um jogador a mais, o Porto conseguiu empatar a partida aos 44 minutos, gol marcado por Alemão.
Com esse resultado o Porto apenas cumpre tabela no próximo domingo contra o Marilia.

domingo, 3 de janeiro de 2010

PORTO GOLEADO PELO BAHIA

O Porto foi goleado pelo Bahia em seu jogo de estréia da Copa São Paulo por 7x0.

Fonte: Federação Paulista de Futebol
O Grupo R da Copa São Paulo de Futebol Júnior foi iniciado na cidade de Leme, neste domingo, quando a equipe local, o Lemense, enfrentou o Marília. O MAC venceu a partida por 2 a 1.

Todos os gols do jogo foram no segundo tempo. Renato abriu o placar aos nove minutos para o Lemense. O empate do Marília veio com Renan, aos 25 minutos, e três minutos depois, Andrezinho vira o placar e garante a vitória do MAC.

O Bahia (BA) enfrentou o Porto (PE) na segunda partida da chave e aplicou uma boa goleada por 7 a 0. Breno abriu o placar aos 19 minutos de partida, com Wilson Júnior aumentando o placar aos 29 minutos.

Lenine fez o terceiro gol do Bahia. No segundo tempo, a vantagem do Tricolor da Boa Terra ficou maior ainda, com o gol de Madson, aos nove minutos. Fábio, Daniel e, novamente, Lenine, fecharam o placar.

Bahia e Marília ficam com os três pontos ao fim da primeira rodada, e Lemense e Porto ficam com zero. A segunda rodada terá os confrontos entre Lemense x Porto e Marília x Bahia.