Seguidores

domingo, 28 de fevereiro de 2010

PORTO VENCE DE VIRADA

Foi no sufoco mais uma vez, mas o Porto venceu o Salgueiro por 3x2 e somou mais três pontos na classificação geral. Mesmo não apresentando um grande futebol, o Gavião conseguiu “achar” dois pênaltis no final do primeiro tempo quando perdia por 2x0, e conseguiu virar a partida no segundo tempo com três gols de Rogerio.
As duas equipes começaram a partida bem cautelosas exercendo uma forte marcação no meio-campo. O resultado foram muitas faltas e passes errados pelo meio. Apesar do ligeiro domínio do Porto, foi o Salgueiro que chegou com perigo num chute de NIldo Petrolina aos 8 minutos. A bola desviou na defesa do Porto assustando Romero.
Impaciente com a má apresentação de sua equipe, o técnico Chrles Muniz tirou Kiros, que não apresentava um bom futebol como sempre, para entrada de Rogério.
Mas foi o Salgueiro que aos 30 minutos abriu o placar, Nildo Petrolina avançou pelo meio sem marcação e tocou para Caio, a defesa do Porto parou para pedir impedimento, mas o atacante chutou na saída de Romero para abrir placar.
Sete minutos depois foi a vez de França, depois da falha de marcação de Gonçalves, ele fez fila na defesa do Porto e foi derrubado dentro da área. Pênalti bem convertido pelo próprio França, no canto direito de Romero que dessa vez nada pode fazer.
Desestabilizado em campo, o Gavião não conseguia encontrar seu bom futebol. E foi numa jogada despretensiosa que Arlindo foi derrubado dentro da área e marcado pênalti. Rogério chutou forte e rasteiro para diminuir.
Dois minutos depois, Rogério roubou a bola, entrou na área e foi derrubado pelo goleiro Luciano, outro pênalti marcado e convertido com categoria por Rogério.
O Porto voltou para o segundo tempo com mais vontade e mostrando mais atitude. E foi na base da vontade que conseguiu virar o jogo.
Foi o Salgueiro que assustou primeiro, França entrou livre e Romero fez uma grande defesa. Aos 8, Airton bateu escanteio curto para Rogério, o atacante driblou o marcador e chutou forte sem defesas para Luciano. 3x2 Porto.
Depois do gol, o Salgueiro foi pra cima, e chegou varias vezes com perigo. Aos 17, Nildo Petrolina bateu falta obrigando Romero a fazer outra grande defesa. Aos 21, França fez fila na defesa do Porto, mas chutou pra fora.
Com Arlindo e Fabian já cansados e tendo apenas mais uma alteração pra fazer, já que Damião já tinha entrado no lugar de João Carlos com amarelo. Charles Muniz substituiu Arlindo para entrada de Cleiton. O objetivo era organizar o meio e oferecer uma bola com mais qualidade a Rogério que nessa altura estava muito isolado no ataque.
Mesmo com o domínio do Salgueiro no final do jogo. O time sertanejo não levava perigo efetivo ao gol tricolor. Final do jogo e mais uma vitoria do Porto que soma agora 17 pontos na sexta posição.

Um comentário:

Anônimo disse...

Kiros é um otemo JOGADOR, o que talvez esteja faltando pra ele fazer om bom jogo é mais apoio emocional, pois capacidade ele tem demais! A.