Seguidores

domingo, 3 de abril de 2011

PORTO QUASE LÁ...


O Porto venceu a Cabense por 4x1 neste domingo pela 20ª rodada do Pernambucano 2011. Com Paulista em mais uma tarde iluminada, o Gavião colocou um pé na semifinal e por tabela ficou mais próximo da Série D. Com 38 pontos, o tricolor abriu cinco pontos de vantagem para o Central, que é o primeiro fora da zona de classificação. Para garantir a vaga sem depender de outros resultados, basta uma vitória simples em um dos próximos dois jogos, contra o Sport na Ilha do Retiro ou contra o Petrolina no Luís Lacerda.

Jogo:

A Cabense começou melhor o jogo. Incentivada por uma premiação extra oferecido por Central e Sport, o time do Cabo de Santo Agostinho partiu como franco-atirador dominando até a metade do primeiro tempo. Porém, a Cabense errava muito passes pelo meio e quando chegava ao ataque, pecava nas finalizações.

Aos poucos, o Porto foi investindo nos espaços deixados na defesa da Cabense. Aos23, Thiago Laranjeira fez o lançamento para Paulista na entrada da área, o atacante deu um belo corte no marcador, entrou na área e soltou a bomba sem chance de defesa para o goleiro Delone.

Três minutos depois, na boa trama de Thiago Laranjeira e Paulista, a bola sobrou com Vagner Rosa que arriscou de fora de área, a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo.

Aos 36, Paulista recebeu o lançamento de Kiros do campo de defesa, avançou livre de marcação, entrou na área e passou pelo goleiro ampliando o placar para o Porto.

O terceiro foi questão de tempo. Aos 43, Douglas foi puxado por Alex dentro da área. Pênalti bem marcado que Paulista converteu com categoria marcando seu 12º gol, agora artilheiro isolado do estadual.

A Cabense tentou ensaiar uma pressão no inicio do segundo tempo. Com um minuto de jogo, Flávio Caça-Rato arriscou de fora da área e no rebote de Mondragon, Vagner Rosa afastou o perigo.

A situação ficou mais tranqüila aos 6 minutos. Thiago cruzou para Naldinho dentro da área, o meia tirou do goleiro e fez o quarto gol.

O Porto quase fez o quinto com Kiros aos 11 minutos recebendo um passe de Vagner Rosa.

A partir daí o Gavião passou a administrar o resultado. A Cabense ainda assustou com Buiu cabeceando na trave e com Luís Carlos chutando para boa defesa de Mondragon. Mas só conseguiu fazer seu gol aos 45 minutos com Diego.

Nenhum comentário: