Seguidores

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

PORTO VIRA E AQUECE JOGO CONTRA O SPORT

Porto vira e aquece jogo com o SportPublicado em 22.01.2009
Gavião perdia do Central por 2x0, mas virou com categoria para 3x2, com ajuda do artilheiro do Estadual: Guego. Resultado mantém o tricolor na ponta e apimenta a partida de domingo

JORNAL DO COMMERCIO 22/01/2009
Foi um Clássico Matuto como há muito tempo não se via. Estádio cheio, muitos gols e uma vitória emocionante do Porto, fizeram a alegria do torcedor que compareceu ao Lacerdão na noite de ontem. O Tricolor do Agreste começou a partida perdendo de 2x0, conseguindo uma grande reação e virando o placar no pagar das luzes. O resultado deixa o Gavião com 100% de aproveitamento e a liderança isolada ao lado do Sport, mas a equipe de Caruaru lidera no saldo de gols (14x13). No próximo domingo, o Porto pega o Leão em Caruaru no grande tira-teima deste turno.
O começo do jogo foi alucinante com as duas equipes buscando o gol assim que a bola rolou. O primeiro ataque perigoso foi do Gavião do Agreste, aos dois minutos. O meia Tiago Laranjeira tabelou com Guego, que chutou forte por cima da meta de Davi. A bola raspou a trave antes de sair. A resposta da Patativa veio logo em seguida com Cláudio. O atacante recebeu cruzamento de Russo e acertou um belo chute de fora da área. Davi fez uma grande defesa espalmando para escanteio.
Enquanto o Tricolor procurava utilizar a velocidade de seus atletas para dominar a partida, o alvinegro chegava ao gol adversário através do toque de bola e com mais perigo. O primeiro gol saiu aos nove minutos. Depois de um bate rebate dentro da área, a bola sobrou para Adeildo abrir o placar de cabeça: Central 1x 0. O segundo tento veio aos 12 minutos depois de um contra-ataque mortal da Patativa. A defesa centralina tomou a bola na intermediária, Russo avançou pela direita, driblou um adversário e tocou para Djalma que chutou forte. O goleiro rebateu e Cláudio bem colocado fez 2x0.
Reação- O Gavião resolveu mostrar as garras e partiu para cima. Logo no primeiro ataque após tomar o segundo gol, o time comandado por Adelmo Soares conseguiu diminuir o marcador, através de um pênalti. Tiago Laranjeira foi derrubado na entrada da área e Guego bateu para fazer seu quinto tento na competição. No segundo tempo o Porto voltou mais ligado na partida e soube aproveitar sua melhor condição física pressionando a saída de bola do Central. Depois de tanto insistir, o empate acabou chegando com Rogério, numa bela cabeçada.
O gol da virada veio já no final da partida e quando o Central buscava a vitória. Os garotos do Porto tomaram a bola na intermediária alvinegra e no contra-ataque, Guego marcou o gol da virada: Porto 3x2. Com o resultado a equipe de Caruaru mantém os 100% de aproveitamento e a liderança isolada. Guego assumiu a artilharia com seis tentos, uma média de 1,5 gol por jogo.

Um comentário:

ladjane disse...

achei um absurdo, o q foi tomado em relacao a situacao do zagueiro gaeydson, pois, todo mundo merece uma segunda chance e voces da comissao deveriam pensar nisso, pq e do ser humano errar e ter direito a uma segunda chance , ate porque so foi ele quem foi punido e isso e sem nexo....ainda esta em tempo dos senhores rever esse conceito e nao mandar o menino de volta.....pensem nisso,